Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Esposa do meu tio, minha amante.



Meu nome é Antônio, mas todos da família me chamam por Toninho ou Tony, eu já contei alguns casos que aconteceram entre eu e minha prima e sogra, porém agora eu vou contar como minha tia me convenceu em deixar ela me dá uma mamada em mim, pois bem eu agora tenho 21 anos mas tudo começou quando eu ainda sem experiência sexual com quase meus 18 anos fui passar férias na fazenda do meu tio.
Fomos passar um final de semana foi minha mãe eu e minha irmã adolescente, cada um ficou em um quarto, casa imensa meu tio passava o dia todo no campo, mas sua esposa nos recebeu muito bem.
Elsy era seu nome tinha aproximadamente uns 30 anos bem mais nova que meu tio. Era o segundo casamento do meu tio.
No segundo dia que estávamos na fazenda fomos passear de cavalo e tomar banho no riacho, foi muito bom, mas teve algo que me perturbou a Elcy tomou banho com uma blusa branca sem transparente e quando molhou dava para ver seus peitos com os bicos escuros. Lindos me deu vontade se agarrar e mamar com força. Naquela noite ficamos assistindo TV até tarde meu tio não iria está em casa foi para um leilão de gado em outra cidade.
 Conversando vários assuntos vi Elsy dizer vida de casal é difícil!
Minha mãe falou é verdade Elsy sei que meu irmão tem temperamento forte e você mais jovem que ele deve ter seus anseios.
-E cunhada vivemos bem só que ele me deixa carente fico muito só quando ele chega do campo cansado só temos mesmo uma relação esporádica e só fazemos o básico mesmo!
-Minha mãe respondeu entendo, mas você é jovem precisa viver aproveitar a vida!
-Sem querer ouvi mais da conversa das duas mulheres eu fui até o banheiro pois já ia dormi. Quando estava no banheiro avistei uma calcinha pendurada, peguei entre os dedos senti o tecido macio e com gesto involuntário levei ao nariz...Hum cheiro adocicado de fêmea, ali naquele momento começou minha tortura e prazer botei a calcinha no bolso e levei até o quarto.
Antes de dormi me masturbei várias vezes com a calcinha, tinha certeza que era da mulher do meu tio, pois foi a última que tinha saído do banho.Eu me deliciei naquela noite dei altas gozadas na calcinha dela.
 Fui dormir exausto mas saciado.
-Na manhã seguinte deixei a calcinha no banheiro, é claro com um pouco de esperma para ela perceber que tinha um macho pensando e desejando ela na cama. Na manhã seguinte íamos tomar banho no riacho minha mãe desistiu minha irmã também ai eu falei e agora vamos fazer o que?
-Elsy disse vamos dá  uma volta depois tomamos banho só nos dois mesmo!
Eu vesti minha sunga por baixo e saímos para cavalgar. Depois fomos tomar o banho no riacho. O tempo estava quente a agua estava deliciosa.
Ficamos brincando na agua até que ela sem querer tocou em minha coxa e percebeu que meu pau estava duro.
-Tony agora que estamos só posso te perguntar  algo? –Sim claro que sim eu respondi!
-Foi você que pegou minha calcinha no banheiro?
-Não olhei para ela ai ela disse olhe para mim e responda foi você e porque pegou?
-Foi eu sim Elsy peguei porque tenho tesão em você e bati punheta pensando em você! –Mas por que fez isso Tony? Eu sinto tesão em você e sei que meu tio não te trata como merece!
-Ela ficou me olhando e não sei se ela percebeu mas  eu estava com tanto tesão se ela chegasse mais perto de mim eu era capaz de gozar.Não conversamos mais nada nos enxugamos e voltamos em silencio para casa. O dia foi normal só evitei me aproximar da Elsy, meu tio ainda não viria naquela noite depois do jantar ficamos conversando minha irmã ficou no quarto, minha mãe disse que já ia dormi eu fiquei vendo TV, ai vi que Elsy foi até o banheiro em seguida eu fui, estava lá uma calcinha preta de renda com os fundilhos úmidos. Segurei entre os dedos aspirei seu perfume terminei de mijar e fui para o quarto. Não peguei a calcinha.
Quando me dirigia ao meu quarto vi parada na porta a Elsy que fez um sinal com a mão para que fizesse silencio, assim eu fiz e fui seguindo ela até seu quarto.
Entramos ela fechou a porta ela sentou-se na cama, ligou a TV e disse Tony desde a última conversa que tivemos eu não parei de pensar em você!
-E eu Elsy desde que cheguei aqui que só penso em você como mulher como amante como uma deusa linda e gostosa!
-Uau Tony como você é galante! –Não sou galante na verdade sou safado e quero te comer!
-E o que está te impedindo?
Eu estava de shorts sem cueca pois estava muito calor ai me deitei puxei ela ao meu encontro botei a mão dela em cima do meu pau, ai ela ficou apertando meu pau, falando besteirinhas, que éramos loucos, mas que estava querendo sentir um macho viril pois seu marido estava deixando ela muito carente!
 -Foi ai que ela pegou e apertou meu pau mais uma vez, ai eu falei para ela relaxar pois eu queria ela inteira completa como uma fêmea deve se entregar a um macho.
Ai ela deu risada eu perguntei se ela me queria? Se queria sentir meu pau inteiro dentro dela, assim todo duro com muito tesão? Ela não respondeu nada aí eu fui até ela acariciei seu rosto dei um beijo bem gostoso. E como um passe de mágica eu tirei meu short, eu percebi como ela arregalou os olhos vendo meu pau apontado para o meu umbigo, fiz ela ficar deitada e fui tirando suas roupas, quando ela pegou no meu pau bem duro e ficou fazendo carinho, ai peguei fui subindo com a boca fazendo carinho nela que sem perceber estava quase com meu pau na direção de sua boca.
 –Ai abri suas pernas comecei a enfiar minha língua, ai eu disse tome o meu pau pra você!
 Quando ela sentiu meu pau ela assustou, nossa que é isso Tony? Como é grande e eu nada falei, estava agora me deliciando com seus lábios sugando sentindo a maciez de sua vulva.
 Então ela começou a alisar novamente, mas não na intenção de masturbar mas sim de fazer carinho, nossa estava uma delícia, ai eu pedi para segurar com a mão fechada como se fosse bater uma, ela pegou e segurou e fui fazendo movimento me masturbando bem devagar.
-Ela foi movimentando bem gostoso, e timidamente fui colocando o pau na sua boca quando eu me dei conta estava recebendo um delicioso boquete.
Chupava deliciosamente ai ela gozou na minha boca, suguei cada gota sem deixar desperdiçar nada. E no afã do momento eu louco para gozar falei que estava quase gozando, ela tirou meu pau da boca e falou na minha boca não!
-Eu disse e porque não? –Ela respondeu que nunca tinha provado esse todo tempo de casada jamais o marido havia gozado em sua boca!
-Ahh, mas sempre tem a primeira vez e vai ser agora eu falei! Elsy nada disse como eu estava numa posição privilegiada, ela ficou em dúvida se aceitava ou não. É claro que ela queria mas estava sem coragem ai recomeçamos um sessenta e nove (69), agora com mais intensidade,
Quando ela percebeu eu já estava soltando fartos espasmos de leite.-Ah Elsy minha putinha toma leitinho toma!
-Ela disse eu quase fui pega de surpresa mas foi muito gostoso Tony e sem dizer mais nada ela chupou meu pau até deixar ele todo bem limpo.
Tomamos um banho rápido e voltamos para cama, ai dei a Elsy o que ela estava querendo trepamos em todas posições, adorei ver ela cavalgar no meu pau. Fizemos de quatro(4) só não me deu o rabo ainda...de primeira mas depois deu.
Despertei uma puta em Elsy que me deixava maluco de tesão. Ela abocanhava e mamava bem gostoso no início foi meio sem jeito, mas depois ai vi o que era receber um boquete gostoso.
Amanhecemos exaustos antes do amanhecer fui para o meu quarto para não dá na pinta, mas antes do final da tarde ainda transamos outra vez. O que era para ser um final de semana passou a ser um trabalho Elsy convenceu seu marido o meu tio que ele precisava de um ajudante e assim me tornei capataz da fazenda e amante da patroa.
Meu tio confia em mim, conversamos muito e outro dia ele me falou algo que me deixou cismado.
-Sabe meu sobrinho adoro a Elsy , mas tem dias que acho que ela tem  um amante!
-Acha é tio? –E acho sim, mas se por acaso tiver eu nem ligo porque já estou velho quero ver ela bem feliz! Contanto que mantenha o respeito!
-E você Tony está sozinho? Tenta uma paquera com Elsy se ela topar aproveite meu sobrinho a vida é curta, se acontecer trate ela bem com respeito mas na cama como vadia mulher gosta de ser puta safada!
-Entendo meu tio vou seguir seu conselho!
A parti daquele dia que conversei com meu tio não perdia oportunidade, eu falei com Elsy que mesmo que não possamos transar todos os dias eu não vou deixar ela um dia sem gozar e assim é o que acontece tanto eu como ela  nos chupamos muitas vezes então, o gozo é certo.
O tempo passou Elsy teve um filho que não se sabe quem é o pai.Eu ou meu tio... Meu tio adora o guri eu e ela continuamos amantes e felizes, meu tio também está feliz pois anda radiante com seu filho que adora andar a cavalo. Enquanto meu tio vai passear de cavalo com o Jr eu aproveito e cavalgo gostoso com a mãe dele.
Minha deliciosa e safada Elsy a potranca safada que adora me ver de pau duro , quando vou tomar banho ela vem e no chuveiro  já vem logo saciar seu desejo e tomar todo meu leite.
E assim estamos vivendo o tempo passa e já se faz 6 anos de muita safadeza na fazenda.
Até hoje somos amantes e tenho certeza que meu tio finge não saber, pois como ele mesmo disse quer ver a mulher dele feliz e depois do filho então ele está se sentindo realizado na vida. Enquanto isto ele viaja para leilões eu fico de boa com ela no quarto do casal sem mentira sem perder tempo aproveitamos cada minuto juntos. Nos amamos de verdade.


@Docecomomel
Feira de Santana,17 de janeiro de 2019
Bahia Brasil.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Transando com a mulher do amigo.



Olá meu nome é Marcos 32 anos divorciado e muito safado.Olha vou contar aqui como começou uma das melhores aventuras de minha vida.
E posso afirmar quem diz que mulher de amigo é homem não teve a sorte de conhecer a esposa do meu amigo Tiago.
Tiago e eu estudamos juntos desde o tempo de colégio sempre fomos amigos, nos afastamos um pouco depois que ele casou. Fui em seu casamento e sempre achei sua esposa linda e tesuda diga-se de passagem.
Até cogitei como uma mulher tão linda como Aline se casou com um cara como Tiago? Mas no amor é assim não é o que viu mas sim o que ouviu* de sua boca e coração.
Depois que me separei voltei a cair na farra mulheres, festas e motéis era o que mais eu fazia em finais de semana. Adoro sexo.
Foi assim que eu fui até a casa de Tiago pedir que ele me fizesse um trabalho de arte ele tem gráfica em Salvador, moramos numa cidade próxima, cheguei toquei a campanha e ninguém apareceu. Chamei pelo nome e ouvi uma voz lá dentro mandar entrar. Assim eu fiz empurrei a porta entrei ouvi vozes e barulho de agua caindo, deduzi que poderiam estar tomando banho sentei no sofá e fiquei esperando.
De repente ouço passos olhei em direção a um corredor quando meus olhos bateu em cima de uma morena linda, com os cabelos molhados e ainda vestida com um roupão.
Levantei para cumprimenta-la, realmente Tiago tinha tirado a sorte grande, pena eu não ter a conhecido antes dele foi o que pensei...
Marcos que prazer em revê-lo ela falou!
-O prazer é meu cadê seu marido eu perguntei?
-Ela disse ele já foi trabalhar!
-Ah que pena trouxe uma encomenda para ele fazer para minha empresa.
-Olha Marcos ele só vem na sexta feira de noite. – Está com muito trabalho devido a política está em um apart-hotel é menos cansativo viajar todos os dias.
Ah entendo e você fica sozinha semana inteira?
-Infelizmente sinto muita saudades...mas tem sido o jeito!
 Eu fiquei olhando para aquela mulher estonteante. Meus pensamentos alucinados.
-Pensando como seria gostoso se ela tivesse um caso comigo, eu não tirava os olhos dela. Estava encantado com a beleza dela e que corpo tesudo ela tinha.
- Mas o carro dele está na garagem! -Ele pegou uma carona com seu sócio.
-Poxa eu queria que ele fizesse este trabalho é de certa urgência.
-Mas você pode deixar eu digo a ele com toda certeza o sócio dele vem buscar aqui. Que pena né você ficar a semana inteira sozinha. -Eu falava sem tirar os olhos, ela percebeu que eu não parava de olhar para o colo de seus seios. Meu corpo teve uma reação que ficou difícil de controlar eu fiquei literalmente de pau duro, como eu estava de roupa social o volume ficou visível.
E quando ela me pergunta o que estava acontecendo por eu estar assim daquele jeito se estávamos conversando assunto trivial.
- Desculpe-me Aline, mas vê-la assim sem maquiagem de cabelos molhados me causou um certo reboliço afinal você é extremamente linda e maravilhosa. Ela apenas sorriu.
- Que nada, Marcos você está sendo muito gentil!
- O Tiago é um cara de sorte mesmo, hein. Ela sorriu novamente.
Ela então me convidou pra tomar um café. Eu aceitei apenas porque queria desfrutar mais algum tempo de sua companhia, mas ela virou-se e foi até a cozinha eu aproveitei e ajeitei meu pau que estava doendo de tanto tesão.
Eu não estava mais aguentando, tinha de fazer alguma coisa pra aliviar aquele tesão,
Pensei rápido o que fazer sem obter resposta.
Foi ai que ela me chamou até a cozinha para tomar o café, ela estava vestido com um short jeans e um top que prendia seus seios fartos e deliciosos.
Eu estava deslumbrado com aquele corpo, short desenhava nitidamente sua calcinha atochada na regada.
Eu estava com raiva de ser amigo do esposo dela senão nem sei o que já teria feito. Nos sentamos para tomar o café e começamos a conversar. Ela percebeu que meu pau estava duro ai sem rodeios enfiou a mão por baixo da mesa e olhando nos meus olhos pergunta!
-Sou eu que estou te provocando Marcos?
-Sim você que está me tirando do sério Aline estou louco de tesão por você mesmo sabendo que é uma mulher casada!
-Hum Marcos sou casada, mas não estou morta e sem rodeios ela ajoelhou-se a meus pés abriu o zíper da minha calça pegou meu pau e pôs para fora e com sua língua macia começou a lambe-lo, eu fiquei completamente surpreso.
A mulher do meu melhor amigo, lambendo meu pau como se fosse uma puta. Eu fiquei sem reação ali parado na cadeira vendo ela me pagar um boquete delicioso.
-Ai eu disse Aline pense o que está fazendo! Ela riu e disse agora não tenho o que pensar Marcos apenas degustar desse pau gostoso, eu tinha mesmo era que aproveitar então quando ela engoliu todo o meu pau. Eu ofegava, suava segurava em sua cabeça apertava suas ancas e tinha que aproveitar o momento magico que estava acontecendo.
-Ah Aline que boca deliciosa! Eu estava prestes a gozar ela olhou para mim e perguntou com aquela voz melodiosa. Você está gostando Marcos?
Eu disse Aline você é maravilhosa estou a ponto de explodir! -Então faça de mim sua puta Marcos, me fode, me come, me chama de safada, vagabunda estou cansada de viver toda certinha de fazer papai e mamãe quero ser uma puta quero gozar e fazer gozar Marcos seja você meu macho dominador.
– Aquilo foi o estopim levantei peguei ela no colo e perguntei onde era o quarto? Ela apontou e beijando minha boca fomos até o quarto dela, a cama imensa macia e cheirosa.
Tirei minhas roupas que foi jogadas ao chão botei ela no meio da cama de quatro e comecei a chupar sua xota quente e melada.
- Isso me come. Come essa xoxota que agora é sua, goze dentro de mim. Quero sentir sua porra invadir minhas entranhas e sem demora eu enfiei meu pau em sua xota que entrou macio. Eu bombeava dentro da xoxota gostosa ela rebolava pedindo leite quando eu sentir seu gozo na cabeça do meu pau fiquei louco virei ela de barriga para cima botei uma de suas pernas no meu ombro e soquei sem parar até gozamos juntos. Aline gemia pior que cadela no cio.
Foi uma foda rápida, maravilhosa. Ela continuou deitada me olhando em silencio que era
Nosso cúmplice, então ela quebrou o silêncio.
 - Vamos!  Eu quero agora dar uma trepada surreal com você, agora eu quero que você me coma de verdade, quero dar meu cuzinho pra você. Quero ser sua puta quero que meu marido seja corno, eu quero você Marcos como meu amante. Cansei de ser a certinha de esperar pela vontade do meu marido de ficar reprimindo meus desejos de fêmea fogosa!
Quero que você me faça pedir pinico de tanto me foder Marcos esta é a minha chance e a sua também, vai topar?  –Meu marido só vai ligar de noite e eu quero está exausta de ter sido fodida por um macho fogoso e ainda mais tesão me dá em saber que é amigo dele. Quero agora Marcos!
Estávamos no quarto aí eu falei você acha Aline que vou me negar de ter a oportunidade de realizar meu sonho que foi sempre de transar com você?
Venha minha putinha venha sentir meu pau te rasgando quero te fazer gemer gostoso no meu pau!
Aline disse um momento que vou buscar algo para beber, você quer alguma coisa ela me perguntou!
Quero apenas me saciar com seu mel minha doce Aline!
-Ela riu e saiu foi até a cozinha buscar alguma coisa, logo ele retornou com duas taças de vinho e algo em outra mão eu não percebi o que era tomamos o vinho um sentado em frente ao outro na cama, ela estava linda eu acariciava seu ombro lhe dava beijos na face, ela acariciava minha coxa em pouco tempo eu já estava de pau duro de novo.
Ela veio com uma das mãos começou a me punhetar, eu dizia delicia sua mão parece de veludo, macia carinhosa.
Lentamente fomos nos abraçando o beijo se tornou mais intenso, ela não largou meu pau um segundo sequer, eu massageava sua xoxota ela me punhetava ai ela pegou algo embaixo do travesseiro esparramou sobre meu pau me deixando todo lambuzado em seguida começou a lamber, que delicia era algo tipo um chantilly ou algum outro tipo de cobertura para sorvete, pois ela ria dizendo que adora sorvete de pica e chupava até as minhas bolas.Realmente ela era uma verdadeira profissional quando se tratava de chupar uma pica, fazia-me gemer gostoso me proporcionando momentos maravilhosas com a boca e a língua.
-Me pedia parar chamar ela de puta corneteira! Eu obedecia.
- Vai minha puta safada chupa mais tua pica gostoso.
-Vai sua vadia, chupe que eu quero gozar tudo dentro da tua boca.
Ela gemia de prazer, e ai  ela começou a engolir meu pau num vai e vem obcecado.
Continuei chamando ela de vários nomes.
 Ela estava adorando, com uma mão eu massageava sua xoxota que já melava toda minha mão com seu gozo.
Cada vez ela me chupava  mais eu sentia a cabeça do meu pau em sua garganta. Eu adorando e aquele vai e vem de sua boca gulosa no meu pau , era delicioso.
Quando eu disse ai minha puta se chupar mais eu vou gozar...Ela olhou para mim e com olhos de pidona continuou me chupando ai em segundos eu gozei na sua boca, ela engoliu tudo, sugou até a última gota.
Depois de ter sugado até a última gota de porra nos beijamos e ai eu disse agora é minha vez.
De faze-la gozar.
Aline parecia uma cadela, me implorava por sexo se isto fosse necessário eu estava tão louco quanto ela-a quando ela começou a esfregar-se em
Minha cara, Eu abri aquela xoxota meladinha e comecei a passar o dedo no seu
Grelinho, que estava já bem excitado. E comecei a
Mordisca-lo, lambendo fazendo ela começou a gemer e a rebolar na minha cara, minha língua percorria sua xoxota inteira, comecei a enfiar o mais fundo
Possível a minha língua de repente comecei a sentir seu liquido escorrendo pela minha língua e
Aline começa a tremer e a gemer.
Ela teve um orgasmo múltiplo. Ela mesmo me disse que nunca tinha gozado tantas vezes em seguidas.
Depois de ter gozado ela e eu fomos tomar um banho aí no banheiro ela disse ah Marcos que dia maravilhoso está faltando só algo para ser fechado com chave de ouro!
-O que está faltando princesa? É claro que eu sabia e queria ,mas estava deixando ela me guiar eu não tinha pressa ela era quem decidia e quando Aline chega até meu ouvido e diz...
-Agora eu quero que você coma meu cuzinho...Caracas ouvi um pedido desse a reação imediata foi meu pau dá uma alavancada ficar duro como pedra
Então a inclinei para ficar apoiado na pia, era praticamente de quatro, pois eu sou alto ela
empinou aquele rabo lindo para que eu a comesse.
Eu comecei alisar sua bunda ,dava leves tapas ai abaixei dei uma boa lambida senti ela estremecer na minha língua, percebi que estava pronta ai segurei meu pau e direcionei em seu anel ,comecei a enfiar minha pica naquele cuzinho quente e maravilhoso.
Eu tentava ser paciente ir aos poucos mas minha vontade era de meter todo de uma vez só, pois o tesão era demais. Mas quando ela me disse que aquela seria a primeira vez que ela estava dando o rabo.
Que já havia tentado com o marido dela, há muito tempo, mas ele não havia gostado.
Ele era um otário ai eu fui aos poucos deixando ele bem mais lubrificado eu consegui entrar naquele rabo deixando-a louca de tesão.
Fui devagar, ela gemia e vi que de seus olhos fechados ela soltou uma lagrima, por um momento pensei em desistir, e ainda lhe perguntei se queria parar, ela disse entre gemidos para que eu não parasse.
Continuei colocando devagar, lentamente cm por cm até que finalmente cheguei ao fim, ela colocou a mão para trás conferiu e viu ai Marcos que delicia me sinto dividida ao meio, mas é muito gostoso sentir sua pica latejando dentro de mim.
Então segurei em seus quadris com uma das mãos com a outra fui em busca do seu grelo macio, comecei alisar e com ritmo compassado comecei a bombear, dentro daquele rabo delicioso.
 Era movimentos com carinho um vai e vem lento, ela começou a tocar uma siririca junto comigo, ai ela começou a gemer alto eu tampei sua boca ai parei um instante Aline tomou conta da situação
Ela mesma começou a fazer movimentos de vai e vem, como uma louca, eu a acompanhei eu metia indo de encontro a ela, eu sentia meu cacete sendo pressionado por suas pregas era um aperto tipo latejar as vezes ela apertava que chegava a doer, mas era uma dor gostosa.
Aquela bunda era maravilhosa, eu olhava para ela ficava enlouquecido de tesão foi ai que segurei em seus quadris com força e comecei a estocar causando estremecimento em seu corpo inteiro ai dei vários tapas em sua bunda Aline começou a gozar imediatamente o prazer se apossou do meu corpo e eu gozei...Gozei como nunca dentro daquele rabo gostoso.
 Ficamos cansados e suados de tanto trepar. Ficamos por algum tempo abraçados. Estava exausto, fazia algum tempo que eu não trepava assim fazer de tudo, foi ai que eu disse que ia embora.
Não! Por favor, não vá fique até mais tarde deixa eu aproveitar mais um pouco desse momento maravilhoso que é esta com você sentindo seu pau delicioso me descobrindo como mulher safada que sempre fui e me prendia dos meus desejos.
- Mas se seu marido chegar? –Não ele não vem hoje fica comigo Marcos, seja dono dos meus desejos! -Ai começamos um beijo de língua ficamos na cama ai no agarra agarra em instantes, ela começou novamente a chupar meu pau que ficou bem duro. Eu estava com tanto tesão
Que meu pau em segundos já estava de pé.
Ela veio por cima de mim se arreganhou toda sentando no meu pau que escorregou macio invadindo sua xoxota melada logo Aline começou a cavalgar sobre mim como uma amazonas.
Eu chupava seus seios que eram maravilhosos.
Mordisquei, beijei-os, lambi, ela cavalgava cada vez mais rápido, mais alucinada, mais fogosa, então gozamos juntos. Trocamos algumas palavras de como tinha sido maravilhosa nossa trepada.
Ela dizia que sempre desejou me dar, muito antes de casar com meu amigo como eu nunca havia dado bola a ela acabou se casando com meu amigo.
E eu lhe contei que eu sempre observava ela mas como meu amigo disse que gostava dela me afastei, mas agora não ia perder ela de vista de jeito algum.
Depois do dia dessa trepada nos vimos por mais algumas vezes. Até que o dia que eu percebi que Aline era o amor de minha vida, pedi para ela se separar ela não topou ai mesmo sabendo que estava perdendo a maior transa da minha vida. Me afastei ou seja tentei mas meu tesão por ela era tanto que aceitei ser o amante ou seja quem era corno era eu pois sabia que ela transava com o marido também.
E agora faz uns dois anos que nós vivemos. Este rolo de amor e sexo.
 Ligo para ela e digo que estou morrendo de saudades das nossas trepadas e ela dá um jeito e vamos para o motel e ficamos horas trepando algumas vezes preciso me controlar para não deixar marcas pois sinto tesão de fazer um sexo selvagem de morde-la bater e cravar os dentes para ela saber que eu sou seu dono e só comigo ela tem orgasmos múltiplos.
E assim vou vivendo e querendo muito mais deste amor impossível.
Quando me lembro de nossas trepadas, na hora fico louco e bato punheta pensando na minha doce e selvagem Aline...


Docecomomel
Instagram siga-me @docecomomelcontos
Feira de Santana,11 de janeiro de 2019
Bahia :Brasil.


quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Prima é perigo constante.

                                                                                                                                             
 01/2019


Meu nome é Eduardo tenho 19 moro em uma viela composta de 4 casas todos somos parentes.
Vizinha a minha casa mora um tio meu eu sou fissurado na minha prima Milena ela tem 18 anos sempre está com namorado novo as vezes eu ouço sua mãe brigar que ela não sabe ficar com namorado fica trocando como troca de roupa, aí ela respondeu poxa mãe ainda não encontrei um que me desperte para o amor verdadeiro!
A Minha tia disse e precisa transar com eles para encontrar o verdadeiro amor Milena toma juízo...
 – Ah mãe, mas sexo e tão bom!
-Está certo mas ver se evita não quero ser avó de neto sem pai menina sem juízo!
Depois de ouvir esta conversa fiquei atento pois teria minha oportunidade de encontrar um dia a sós com Milena.
Eu sempre chegava do trabalho após o meio dia e ficava em casa jogando vídeo game. Aí teve um feriado num dia meio de semana todos saíram eu trabalhei normalmente como qualquer outro dia, exceto por uma coisa, voltei mais cedo do trabalho. Foi assim que aproximadamente as 16 horas minha prima Milena chegou e veio até a minha casa ela veio perguntar se em casa tinha leite condensado?
-Tem sim Milena mas não sei se você vai querer tirar ele!
-Depende Edu se não for muito difícil tiro ligeirinho e sorriu e foi embora! A putinha tinha entendido e foi embora rebolando só para me provocar!
Passou um tempo eu recebo uma mensagem era Milena perguntando se eu queria ver um filme com ela?
-Quero sim Milena, mas porque você não vem assistir aqui comigo?
-Eu faço pipoca... Ai ela falou com leite condensado?
-Ai depende de você...Rsrsrsr
-Ah Edu fala sério!
Venha logo que providencio para você!
-Logo ela chegou trouxe refrigerantes entrou eu liguei a TV e coloquei um filme para nós assistirmos. Sentamos no sofá vendo filme, ai fui buscar pipoca e ficamos vendo filme logo ela começou a puxar conversa.
Ela começou a falar sobre o computador dela que estava com defeito, que não sabia como consertar pois estava sem dinheiro, ai eu disse que poderia olhar que talvez fosse um vírus simples.
Aí eu pedi que ela fosse buscar, para eu poder dá uma olhada mais tarde. Assim ela foi em sua casa e trouxe o computador acendi a luz e liguei o notebook dela e comecei a fazer uma limpeza. A safada tinha montes de vídeos pornôs salvo em favoritos.
Ela viu que eu estava olhando, mas nem se importou ainda falou adoro vídeos de putaria primo. -Eu disse eu prefiro fazer a putaria ao vivo.
-Eu também primo, mas nem sempre estou com namorado e as vezes preciso me contentar com a mão. Rss
-E o meu caso também prima, mas o que importa é o prazer que sentimos!
-E verdade mas sexo é bom demais!
-Verdade prima... aí sem olhar para ela eu disse, mas podemos um ajudar o outro nestas ocasiões.
-Ela me perguntou como?  –Ora prima é simples podemos ser amigos íntimos ou quem sabe posso ser teu pau amigo só mesmo para transar!
-Ah sei você seria meu pau amigo e faríamos sexo casual? Sem compromisso é claro né?
-Sim e porque não? Afinal não sou de jogar fora tenho certeza que você vai gostar.
-E com o rumo da prosa eu já estava ficando de pau duro, porque minha prima estava com um short curto, eu a todo momento olhava para suas coxas e sinceramente falando sobre sexo era impossível não ficar excitado. Mulher gostosa é pior que fogo junto a palha seca. Triscou pega fogo...
Foi aí que resolvi mudar de assunto e perguntei se ela estava atualmente com namorado.
Ela disse que não... Foi um dos motivos que me animou a continuar a conversa
Eu confesso que já não estava aguentando pois meu pau estava tão duro que chegava a doer eu sempre desejei esta prima e até sonhava transando com ela.
 Estava impossível sustentar aquela situação. Foi aí que falei olha prima o que esta conversa está fazendo comigo estou a ponto de rasgar minha bermuda de tanto tesão que estou sentindo!
Ela olhou bem para meu pau e riu...Perguntei a ela porque estava rindo?
-Ela disse que eu estava de pau duro devido a conversa e ela de calcinha úmida!
-Jura prima? -Claro sou normal né?
 -Assim que ela terminou de falar foi que eu decidir que o meu momento havia chegado então eu a abracei forte prendendo entre meus braços, ela fingindo que ia sair do meu abraço mas na verdade estava era roçando no meu pau teso.
Sem falar nada eu comecei a passar a mão na bunda gostosa dela,
 Ela me abraçou também e falou em meu ouvido que seus pais podiam demorar que o nosso momento teria que ser agora que não tinha ninguém em casa.
Continuei alisando ela, nesse momento não me controlei e levei ela pra minha cama, começamos à nos beijar ...Nisso já era umas 17 horas da tarde...
Como nós dois já estávamos loucos para transar começamos a tirar as nossas roupas, levantei e fui até o criado mudo abri a gaveta e peguei ela no colo e botei deitada no meio da cama.
E voltamos a nos beijar...ela ronronava igual uma gata no cio. Foi aí que subi na cama e fiquei entre as pernas dela enlacei-as em minha cintura e fui enfiando meu pau inteiro em sua xoxota,entrou macio ela estava ensopada não tínhamos tempo para preliminares então eu já estava louco de tesão e quando eu sentir o calor da xoxota dela fiquei mais enlouquecido comecei a estocar com força, ela como uma louca começou a gritar, aí eu tapei a boca dela para os vizinhos não ouvirem aí ela foi se rendendo ao prazer e foi rebolando em pouco tempo ela estava gemendo gostoso até que senti seu gozo na cabeça do meu pau eu não aguentei  coloquei ela de quatro segurei em seus cabelos e soquei sem dó nem piedade até explodi com um farto gozo.
Ficamos atracados por um tempo só um fazendo carinho no outro ela me disse que fazia tempo que me desejava, mas como eu não dava espaço estava sempre de namorado novo.
-Foi aí que eu disse isto agora é passado você será só minha agora! Ela riu e disse tem que me convencer disso!
-Ah é então espera que você vai ver eu disse sorrindo ai segurei ela pela cintura comecei alisar a bunda dando tapas de leve ela ria dizendo queria fazer sexo com você há tanto tempo.
-Pois é perdemos muito tempo mesmo prima, mas agora é a hora de recuperar nosso tempo perdido, quero fazer tudo com você quero te deixar sempre feliz.
-Ai eu fui roçando meu pau nela e aos poucos fui me encaixando e fui enfiando bem devagar meu pau em seu reboqueando a cabeça entrou ela deu um grito me pedindo para tirar...Falei relaxa amor que passa continuei fazendo carinhos nela ela gemia eu ia metendo bem devagar aí ela disse aí primo seu pau é grosso demais! Perguntei se queria parar? –Ela disse que doía mas não queria parar então eu fui metendo bem devagar até ela começar rebolar gostoso quando me dei conta meu pau estava todo atochado no rabo da priminha safada e ela
 Gemia pior que uma atriz pornô, e isso estava me excitando muito...Eu estava com meu pau inteiro atochado nela aí ela não mas gritava de dor mas de tesão como uma verdadeira putinha... Pedia para eu socar com força ai segurei em seus quadris e comecei com ritmo acelerado metendo gostoso até sentir ela gozando nas pontas dos meus dedos, suas pregas comprimiam meu pau. Uma deliciosa sensação ai segurei com o braço por baixo da sua cintura e comecei dá fortes estocadas até explodi num gozo farto-a ficamos um agarrado ao outro nos beijando-o primo que coisa ter você tão perto e nunca ter curtido tão gostoso antes!
-E mas nunca é tarde prima ai tirei meu pau de dentro dela joguei camisinha num canto e pedi para ela sentar no meu pau, igual  víamos em filmes , ela aceitou, veio se encaixando bem devargazinho,até conseguir ficar empalada no meu pau, daí eu fui metendo na xoxota dela... cada vez mais fundo...Estava tão gostoso eu nem estava acreditando que eu estava fodendo a prima dos meus sonhos...Foi aí que ela deu uma rebolada bem gostosa e gozamos...Caracas eu nem acreditava que isto estava acontecendo gozei muito que fiquei até assustado  com tanto tesão que estava sentindo... fomos nos acalmando a prima foi se limpar depois d alguns minutos ouvimos barulho de gente chegando. Ficamos vendo TV normalmente para disfarçar, mas era seus pais chegando ela pegou seu notebook me deu um beijo rápido e foi embora.
Foi a parti deste dia que eu e minha prima começamos a ter aventuras diárias, era cada foda de arrepiar os cabelos, não tinha hora nem lugar bastava ter espaços nós dois sozinhos que a gente transava. A prima era bem safadinha tinha vezes que as transas eram rápidas devido ao movimento de gente mas ela adora adrenalina e sempre dava um jeito de me fazer uma chupeta bem gostosa e como sabia me provocar a safada me deixava louco mas sempre o gozo era garantido ela adorava tomar leitinho e saia rindo depois de me deixar saciado e bem feliz...
Primos são perigo constante eu não tenho do que reclamar.
Adoro minha prima safadinha.

Docecomomel
Instagram:@docecomomel
Feira de Santana ,02 de janeiro de 2019
Bahia Brasil.

domingo, 23 de dezembro de 2018

Aventura Casual , Com Safadeza.




Olá pessoal tudo bem com todos o final do ano vem chegando e estamos ansiosos esperando que o ano que se se inicia seja tranquilo, mas com muita Paz e aventuras mil.
Afinal a vida é vivida um dia após o outro.
Andei ausente mas não deixei de aprontar de novo, eu sou Tiago, tenho 24 anos, solteiro, moreno claro, 1.69 alt., muito fogoso, adoro sexo.
Bom eu moro no centro de uma pequena cidade do interior da Bahia. Sou estudante e trabalho em uma locadora.
Estou de férias e antes das festas natalinas fui visitar meus avós que moram em uma cidade próxima.
Chegando lá na casa de minha avó ela é idosa ela me pediu para fazer uma arrumação no quarto de bagunça que o jardineiro viria buscar o material de reciclagem e ajeitar as plantas dela.
Minha avó saiu foi ao mercado enquanto eu arrumava as coisas que ela me havia pedido.
Arrumei tudo botei em sacos plásticos e fui botar no lixo. O jardineiro já estava trabalhando. Foi assim que vi o jardineiro limpando o quintal, um moreno muito alto bonito e forte eu parei para dá uma palavrinha com ele, ai ficamos um tempo conversando, tipo conversa normalmente só que eu percebi que ele me olhava de um jeito estranho a todo momento e ajeitava seu pau dentro da calça folgada.
Eu gosto muito de mulher, mas já tive contato com homens tanto ativo como passivo, mas fazia bastante tempo que eu não fazia sexo com outro homem então achei natural o jeito do jardineiro. O sexo como passivo dependendo do parceiro e muito prazeroso.
Ele me disse que já estava terminando o serviço ai eu fui terminar a arrumação e entrei no quarto de bagunça de minha avó. Estava de costa arrumando umas coisas
 Numa prateleira quando ouvi barulho na porta, foi assim que me virei e vi o jardineiro parado na porta.
Ele perguntou se eu poderia arranjar uma garrafa de agua para ele pois estava fazendo muito calor.
Eu ia saindo para ir buscar a agua que ele havia me pedido, mas o jardineiro não saiu da porta, mas mesmo assim eu passei me espremendo sendo obrigado a tocar meu corpo no corpo dele, que safado fez de uma forma que passei roçando em seu pau, que diga-se de passagem estava teso e era bem dotado.
Trouxe a água e dei a ele num copo eu no começo não dei bola, mas ele bebia a agua sem tirar os olhos de meu rosto como se estivesse esperando alguma resposta.
Eu não dei bola nem assunto ele era um moreno forte, devia ter quase 1.82 de alt., até bem bonitão deve ter uns 35 a 40 anos mais bem cuidado aparentemente, estava com um uniforme azul com nome de empresa de jardinagem, tentei desviar meu olhar mas logo eu percebi e sem querer olhei para calça dele dava para ver que havia um volume descomunal. Caracas ele estava excitado mesmo com a calça larga dava para perceber.
Foi aí que ele veio me entregar o copo assim que estendi a mão ele segurou, ele percebeu que eu havia ficado assustado.
Entrei para guardar a garrafa e o copo ele voltou para seu trabalho de longe eu percebi como ele olhava na direção que eu estava.
Logo meus avós chegaram vi quando o jardineiro conversava com minha avó.
Ai minha avó me chamou... Quando me aproximei ela disse oh meu neto o jardineiro me disse que só termina o serviço amanhã, mas eu tenho consulta marcada será que dava para você ficar aqui até ele terminar o serviço?
-Poxa eu pensei este cara está armando para cima de mim, mas como eu não podia negar pois estava de férias concordei em ficar até o dia seguinte.
-Ai ele disse que viria bem cedo pois o dia estava muito quente que estava fazendo muito calor.
Eu disse que as 7 horas já estaria acordado, daí de propósito eu perguntei se ele trabalha só durante o dia? Ele riu e disse que a noite é para se fazer coisas mais interessantes.
 No dia seguinte antes de 7 d manhã eu estava acordado e tomado banho minha avó saiu logo com meu avô e disse que não tinham hora de voltar... 
Caracas eu vou contar a vocês eu tive uma noite ruim sonhei com o jardineiro coisa que nunca aconteceu comigo isso, mas me veio na cabeça uma vontade louca   muito tesão de sentir aquele jardineiro, gostoso todo dentro de mim, fazendo sexo bem gostoso e safado.
Eu estava sentindo tesão só em pensar no sonho que tive com ele.
Nossa quando ele chegou me chamou no portão eu fui abrir assim que ele entrou perguntou por minha avó eu disse que já havia saído. O sorriso dele foi largo e solto e disse então estamos só nos dois? Sim eu respondi. Entramos eu fui para casa ele foi pegar suas ferramentas já tinha se passado alguns minutos quando ele me chamou eu fui até onde ele estava, ai ele disse menino Tiago venha aqui que preciso te mostrar algo!
Ele entrou no quarto de bagunça eu entrei em seguida o quarto estava meio escuro ai ele fechou a porta, quando eu me virei na direção da porta ele estava em pé passando a mão no seu pau, rindo disse não sei se vai concordar em me dá, mas ou de uma forma ou de outra vai me fazer gozar, desde ontem que estou morrendo de tesão pensando em você menino Tiago.
Daí eu pedi pra ele abrir a porta que queria sair, ele disse que no tesão que estava por mim só me deixava sair se eu batesse uma para ele!
Ficamos em total silencio, no escuro, só eu e aquele tesão de jardineiro no meio de um quarto.
Foi aí que ele disse que ele não iria levar um não que conhece um boiola apenas no olhar e sabia que eu era chegado a um pau!
Eu disse que caso eu não curtisse, o que ele faria? Então ele parado veio até onde eu estava se aproximou pegou o pau botou para fora e disse! Se não curti dá pelo menos vai me ajudar aliviar este tesão!
Eu cheguei meti a mão no pau dele de vez, segurei no pau dele com firmeza com as duas mãos ai ele chegou a me olhar assustado e me disse, Está doido né moleque querendo é?
Eu ri e falei se é o que você quer eu também quero vem deixa eu te chupar um pouco...
Ele tirou minha mão e disse quer chupar só não, eu então coloquei de novo a mão nele ai ele se afastou tirou a calça e me deixou ver o pau dele imenso teso com a cabeça pra fora, porra um cacete bem grosso.
Ai o que não tem remédio remediado está ele me fez ajoelhar em sua frente eu segurei a cabeça fui guiando até a minha boca, Caracas que cacete enorme mal cabia na minha boca de grosso, mas quando se quer tudo se dá um jeito para a safadeza comecei a mamar com muita gulodice eu mamei nele até as bolas , estava bem cheiroso a sabonete ainda, sentir aquele pau com tesão com cheiro de macho suado ,então ele me mandou ficar de pé escorado na prateleira e mandou empinar meu rabo,  foi ai que ele se abaixou e meteu a cara no meu rabo.
Lambia muito meu rabo até cuspia, metia um dedo, me fazendo delirar gemendo de tesão ai depois de me provocar o máximo ele levantou-se segurando o pau na mão ai me fez empinar mais a bunda mordicou meu pescoço, falava safadeza dizendo o que ia fazer comigo ai encostou a cabeça do pau na porta do meu rabo, deu um tranco quando eu senti uma fisgada forte ai eu já falei pra ele que não era pra colocar de vez que o pau dele era muito grosso... Ele disse relaxa Tiaguinho só vou botar a cabeça na portinha do seu rabo meu tesudo...
Ai começou a me punhetar  eu relaxei sentindo sua mão com firmeza no meu pau teso foi aí que eu confiando que era só na portinha, louco de tesão sentindo seu pau teso no meu rabo foi aí que o fdp safado me segurou com força nos quadris e começou socar seu pau nas minhas entranhas, eu sentia suas pernas entre as minhas pernas, ele socava gemendo mas estava só a cabeça do pau foi que ele segurou com um braço por baixo da minha cintura dando um verdadeiro mata  leão me senti imobilizado quando menos se espera o safado meteu o pau com muita força ai seu pau entrou com tudo pra dentro de  mim.
Tentei me sair mas ele me segurava com força. E empurrava contra a prateleira eu não tinha como se safar daquela situação ai ele começou a moderar os movimentos se tornaram mais brandos ele gemendo me chamando de gostoso, eu sentia como se estivesse dividido ao meio, já tinha dado outras vezes e comido macho também mas daquele jeito era a primeira vez pois seu pau era muito grosso. Assim que eu percebi as veias do seu pau se dilatarem comecei a rebolar em instantes senti um jato de leite explodindo dentro de mim.
Caracas o homem parecia um touro ele parecia que não ia parar mais de gozar...Quando tirou o pau de dentro eu senti um vazio dentro de mim. Ele me olha e ri e falou não era isto que você queria Tiaguinho pau no rabo?
Ainda nem comecei, ele foi se lavar e quando ele voltou eu fui tomar um banho quando volto ele mandou ajoelha safado que agora você vai rezar assim eu fiz o cara estava de pau teso socou na minha boca me fazendo delirar enquanto eu chupava gostoso seu imenso pau em pouco tempo eu senti seu leite escorrendo pela boca, ai ele segurou minha cabeça e disse tem que beber todo, até parecia que eu iria desperdiçar nada.
Caracas que delícia ...Ai ele me palhetou até eu gozar esporrando na minha própria mão.
Depois ele disse Tiaguinho não sei se doeu, mas se quer ser um viado tesudo tem que aguentar um bom pau sem reclamar...Ai eu saí e o restante do dia eu não o vi mais.
Meus avós chegaram já a noite minha vó falou Tiago meu neto o jardineiro já terminou o serviço ele até me pediu seu telefone, espero que não se incomode, mas eu dei ele disse que tinha que terminar de fazer um acerto de serviço com você...Senti meu rabo dá um aperto pois estava muito ardido, mas com tesão desejando que outras vezes possa acontecer...Afinal valeu a pena oh e como valeu...

Docecomomel
@docecomomelcontos
Feira de Santana:Bahia:Brasil.
23/12/2018

quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

Um amigo Virtual...Um Amante Real.


Olá, Meu nome é Marcela, tenho 23 anos e moro em Aracaju sou solteira estudante de psicologia e adoro sexo.
Hoje vou relatar uma aventura que eu tive há algum tempo atrás quando estava de bobeira sem fazer nada e comecei a teclar com um desconhecido que conheci em uma sala de bate papo bem conhecida.
Acessei pela opção da cidade que moro onde vi vários Nicks chamativos até que me interessei por um cara com o Nick de Nando 22cm.
Era um dia de semana normal eu estava sem nada para fazer ai resolvi zoar na internet, nada anormal acredito que muita gente faz a mesma coisa, acessei pra ver se eu conhecia alguém interessante de preferência que fosse alguém bem legal para que pudéssemos nos divertir um pouco com um bate papo bem picante. 
Adoro saber que eles se excitam imaginando com quem estão teclando.
Na verdade eu estava querendo mesmo era um bom sexo casual, queria mesmo era um pau para sentir muito prazer.
Pois bem segundo dizem quem procura acha pois eu procurei e achei.
Então o nome dele era Nando, tinha 30 anos moreno com 1,81 de altura 84 kg e um pau de 22 cm bem grosso e cabeçudo esta foi a descrição que ele me passou, que depois pude comprovar e estava tudo dentro da realidade que ele me havia descrito. Ele morava um pouco distante do meu endereço ele morava em outro bairro do outro lado da cidade.
Começamos a conversar e depois de um bom papo que tivemos gostei e ele me pediu meu número de telefone ai eu dei assim poderia conversar melhor pelo aplicativo.
Então eu e ele começamos a conversar de forma aleatória, até que ele me mandou uma foto de seu pau. Caracas o seu pau era enorme ai ele me disse que queria enfiar tudo dentro de mim, que queria me ouvir gemer com o pau dele todo atochado na minha xoxota.
Poxa Nando uma pena que moramos longe um do outro eu falei, ele disse para isto temos carro para encurtar as distancias!
Ai ele me pediu uma foto minha de calcinha...Como eu sempre tiro nudes mandei uma foto minha de calcinha com as mãos nos seios. Ele adorou elogiou e disse que ia adorar mamar igual bezerrinho nos meus peitos. Eu apenas sorri e continuamos a conversar foi assim que começamos a trocar muitas fotos e acabamos fazendo sexo virtual pela web cam, eu gozei deliciosamente ouvindo sua voz rouca me chamando de gostosa.
 Fui tomar um banho e comer alguma coisa não havia se passado nem meia hora  quando o telefone toca via aplicativo foi ai que vi que era uma chamada de vídeo eu atendi quando me dei conta lá estava Nando nú em pelo, ele com seu pau enorme teso, fiquei sem querer acreditar pois seu pau  era enorme e ele colocava o celular que dava para ver  bem visivelmente, o cara parecia um cavalo com seu pau devia ter aproximadamente uns 22 cm com  uma cabeçorra vermelha que brilhava de tão teso que ele estava parecia uma tocha acesa. rsrsr
Juro a vocês que senti minha calcinha ficar úmida na hora pois não parava de olhar e imaginar aquele enorme pau latejando dentro da minha xoxotinha, lisinha e apertadinha.
Ele ficou louco quando abaixei uma parte da minha calcinha ele ficou vendo minha xoxotinha lisa, seu pau chegava a babar.
Meu desejo foi de estar ao lado dele para poder toca-lo do jeito que estávamos cheios de tesão ai eu e ele ficamos nos vendo até ambos se masturbar, ficamos os dois loucos ensandecidos de tesão e deliciosamente em rápidos e lentos movimentos já estávamos aptos a ponto de gozar
Ficamos alguns minutos dessa forma até que ele jorrou aquele leite delicioso, explodindo em um gozo intenso.
Eu também e ele gozamos no mesmo instante. Em total sincronia de intenso prazer. Então marcamos o dia seguinte para nos encontrar.
Logo no outro dia ele me ligou e perguntou se estava tudo confirmado para mais tarde e que ele estava louco para me comer pois não parava de pensar em mim.
Disse que sim e que iria vestida de um jeito que ele iria amar, com certeza ficaria para sempre em nossa memória aqueles momentos maravilhosos.
As 18 horas cheguei ao local combinado, vestindo um vestido curto de alças e fui sem calcinha os cabelos longos estavam soltos.

Logo ele me liga e diz que mesmo de longe eu estava maravilhosa, gosto de me vestir provocante e quando tenho encontro capricho mais ainda. Ele parou o carro a meu lado entrei e saímos em direção a um bairro onde tem várias pizzarias, ele estava muito bem arrumado exalava um perfume forte muito gostoso. O tipo de homem que sabe o que quer e como quer...
Assim que entrei no carro ele me beijou, e disse que estava desejando muito aquele beijo, isto já foi me deixando muito excitada.
Disse que queria me levar para comer algo pois iríamos ficar muito tempo fora e para onde iriamos em breve não teríamos como parar para nos alimentarmos...
Paramos em uma pizzaria pedimos um prato leve em seguida saímos direto para um motel
Pegamos um quarto assim que entramos ele foi logo arrancando meu vestido, me deixando nua, então começou a me beijar de uma forma intensa.
Em seguida sua boca gulosa começou a beijar meu corpo todo e me mordiscava e chupava meus seios de uma forma deliciosa que eu quase desmaiava sentindo aquela boca deliciosa invadir meu corpo em êxtase.
Quando Nando desceu e com a boca percorrendo minha barriga e chegou na minha xoxota, começou a me chupar eu fui ao delírio, me enchendo de tesão eu me contorcia, gemia a cada chupada sua.
Logo eu me rendi a putaria começamos um 69, ele enlouqueceu quando eu cai de boca naquele pau delicioso, engolindo com muita vontade, ambos delirávamos enquanto eu ia subindo e descendo de boca naquele pau gostoso e teso.
Logo eu comecei a cavalgar naquele pau com muita destreza parecia uma eximia amazonas.
Cavalgando gostoso nele foi assim que ele gozou pela primeira vez em mim. Caracas loucura minha eu deixar ele gozar dentro da minha xoxotinha. E ele não parava de meter gostoso foi assim que me colocou de quatro (4) segurou em meus cabelos com uma das mãos e começou a estocar com força.
Fui a loucura sentindo aquele pau enorme dilacerando minhas carnes me causando intenso prazer não aguentei e em minutos eu também gozava. Nando me dava tapas na bunda e só parou de meter gostoso quando quase desfalecemos um atracado ao outro.
Descansamos uns minutos até irmos tomar um bom banho.

Tomamos um banho juntos e ficamos conversando em pouco tempo ele já estava de pau duro feito um porrete, logo ele já me pediu para ajoelhar e foi enfiando bem devagarinho na minha boquinha, agarrou meus cabelo e me ajudava com os movimentos de ir e vir com a cabeça, ele me xingava de puta e batia com seu pau no meu rosto... Eu pedia pra ele me foder com força pois eu estava adorando aquela safadeza toda. Quase minha boca não fechava de tão grosso que era seu pau.
Foi assim que ele tirou seu pau de minha boca fez movimentos com as mãos se masturbando quando estava prestes a gozar ele enfiou o pau com tudo na minha boca, começou a gozar me fazendo gemer de prazer e tesão ao mesmo tempo.
Por momento algum eu deixei escapar uma gota sequer de seu farto leite. Ai eu nem consigo descrever as sensações que eu sentir. Depois que ele tirou seu pau da minha boca ainda teso eu senti um arrepio e nem conseguia acreditar que tinha aguentado aquele pau enorme na minha garganta e que ainda por cima tinha gozado gostoso.
Eu me sentia uma verdadeira puta, foi assim que Nando me abraçou por trás abriu minhas pernas e deu uma enconchada e seu pau entrou invadindo minha xoxota.
Quando ele pediu goza minha putinha no meu pau...Eu fiquei envaidecida comecei a rebolar ele dedilhava meu grelo em pouco tempo ambos gozávamos gostoso e foi assim que finalizamos a noite.
 Tomamos outro banho, nos beijamos e fomos embora.
Ele já me deixou ciente que agora eu seria a namorada dele e sua eterna putinha.
Que provavelmente toda semana eu irei para sua casa pois ele mora sozinho. E quer sempre transar comigo.
Ainda não aconteceu novo encontro mas nos falamos pelo aplicativo e provavelmente nós veremos no próximo final de semana.
Assim que eu me encontrar com ele eu volto para contar para vocês como foi. Quero dividir os momentos maravilhosos que terei sempre com ele.
Nando 22 cm, Uii delicia. Só de imaginar ele comigo eu já fico louca de muito tesão.


Docecomomel
Instagram:@docecomomel
Feira de Santana,12 de dezembro de 2018.
Bahia Brasil.


Marcadores

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

.

Nunca é tarde para abrirmos Mão dos nossos Preconceitos !//