.

.

Acessos em Êxtase !

.Contos Eróticos de Docecomomel

.Contos Eróticos de Docecomomel

sábado, 10 de setembro de 2016

De Caso com meu Cunhado



Meu nome é Juan  tenho 29 anos sou solteiro moro em Recife a capital de Pernambuco eu trabalho em uma indústria. Não sou bem dotado, mas meu pau de 20 cm satisfaz muito bem quem prova. Sempre querem bis.

Tenho uma namorada que mora no interior, seu irmão meu cunhado divide comigo a casa. Precisamos trabalhar morar perto do trabalho é necessário.         .

Igor é casado tem dois (2) filhos. Antes de morarmos na capital logo quando comecei a namorar a Juliana irmã de Igor ouvi alguns boatos no bairro que  ele era chegado a dá.

Vocês sabem que a cada dia que passa a opção sexual anda sendo mais difundida e acontece de muitos homens optarem por ser bi. Ou seja, se assumirem.

Como eu sou um homem de pouca conversa nunca dei assunto a isto.

Quando a fabrica que eu e meu cunhado trabalhamos falou em enviar dois (2) montadores para trabalhar na capital aceitamos a proposta.

Claro que é sempre complicado a distancia da família, mas o dinheiro era maior com a crise atual não poderíamos nos arriscar a ser demitidos.

Alugamos uma quitinete trouxemos só coisas de uso pessoal. Logo nos primeiros dias foi tudo uma maravilha, mas depois fui percebendo as brincadeiras insinuosas de Igor.

Não estava gostando, mas já tive experiência com gays quando era mais jovem, mas foi mesmo por falta de opção. Coisa de adolescente tipo troca, eu só não trocava queria mesmo era comer.

Viemos do final de semana de casa e fomos trabalhar. Naquele dia trouxemos bebidas e quando voltamos do trabalho começamos a beber enquanto preparava o jantar.

Quando fomos jantar Igor sorrindo disse que a comida estava tão boa quanto da sua mulher.

Falei deixa de conversa Igor foi tua irmã que fez o lombo só fiz esquentar!

E continuamos a tomar cerveja.

Logo arrumamos as coisas e fomos dormi. Bem tarde da noite acordei ouvindo Igor conversando, olhei na cama ao lado e ele não estava. Fui até onde ouvia o barulho de vozes e fiquei perplexo.

Caracas meu cunhado estava no quintal pagando um boquete para o cara que é nosso vizinho.

Ele se chama Lucas, só o ouvia dizer bem assim.

 -Mama direito minha cabrita senti sua falta no final de semana, mama que vou encher você de leite safado, chupador de cacete!

-Hum que delicia... Esta boquinha macia!

E comecei a sentir tesão vendo meu cunhado Igor engoli a jeba do vizinho Lucas. Nem sei como ele conseguia, pois a jeba era enorme.

Ai fiquei alguns minutos só vendo até momento que o Lucas segurou na cabeça do meu cunhado com firmeza e começou a socar com força até explodi em um gozo.

Igor não se fez de rogado bebeu tudo sem deixar derramar.

Ai foi que vi que estava na hora de me retirar, mas a porra do meu cacete não baixava.

Ainda Igor demorou por mais de uma hora a voltar para o quarto, só ouvi gemidos e uis e ais.

O safado ainda deu o rabo foi que pensei.

No dia seguinte fomos trabalhar e Igor não disse nada nem eu também falei nada. Trabalhamos normal dia seguinte seria feriado, compramos bebida e de noite começamos a beber, não era cerveja era conhaque.

Eu fiz um tira-gosto de carne de sol e salada. Fiquei eu e Igor bebendo ouvindo musica.

A garrafa ia esvaziando a conversa era coisas banais. Quando meu cunhado Igor foi ao banheiro e voltou só de cuecas, perguntei se estava com calor?

Ele me respondeu dizendo que quando bebe sente vontade de soltar seu lado puta.

-Como é que é Igor?

-Isso mesmo Jua não quando bebo perco a vergonha quer dá, dou mesmo para quem eu quero.

-Olha acho bom mudar o rumo da conversa tua irmã estava naqueles dias não me deu nada.

-Ah é? Então esta pior que eu, pois a nega véia chorou no pau aqui, falou segurando no cacete.

-Sorte sua e com estas conversas vou ter que bater uma punheta afirmei.

-Igor falou punheta Jua não e coisa de donzelo quando se tem uma boca gulosa e um cu safado querendo dá não se pode nem pensar em punheta.

-Ah é não entendi! E sem dizer nada Igor me pegou de surpresa.

-E Igor levantou foi até a porta verificou que estava fechada aumentou o som e chegou bem perto de mim abaixou e segurou no meu cacete.

Olhei para ele com misto de espanto e tesão!

-Ele sorriu dizendo deixa de puritanismo cunhado eu gosto da fruta, vem deixa de bobagem vamos curtir!

E sua mão habilidosa foi abaixando meu short e cueca em poucos segundos Igor me pagava um boquete. Delicia de boca gulosa, lambia e chupava bem melhor que a safadinha da irmã dele minha namorada.

Quando ele ficou bem de frente ajoelhado e segurando minhas pernas eu nem tentei resistir segurei em sua cabeça com força e comecei a estocar em um vai e vem constante.

Foi à gota d’água a vontade de comer e a safadeza me causou um tesão tão intenso que em poucos minutos eu comecei acelerar as estocadas causando um engasgo em Igor que culminou em uma leitada intensa. Igor não perdeu tempo não deixou desperdiçar nada.

Caracas gozar assim era tão bem como em uma xoxota meladinha. Afastei-me um pouco dele peguei uma camisinha e pedi que ficasse de quatro (4) no sofá, encapei o cacete dei uma dedada, meu dedo entrou macio o cabra estava acostumado que nem gemeu de dor, mas de tesão sim. Ai delicia Juan... Vem acaba com seu cunhado que adora rebolar num pau.

Coloquei uma camisinha, passei cabeça do cacete na porta do anel de cima pra baixo para ficar todo lambuzado e com firmeza segurei em suas ancas e empurrei fui metendo aos poucos até sentir que as pregas comprimiam apertando um pouco causando uma letargia prazerosa. Quando me dei conta só tinha mesmo os culhões de fora.

Segurei com foça nos quadris de Igor e comecei a socar com força, ele gemia e rebolava mais que uma putinha safada entre dentes pedia que fodesse gostoso que ele estava adorando o cunhado fodendo ele com toda vontade do mundo de dilacerar suas pregas todas.

Caracas foder já e gostoso e um safado pedindo que socasse sem dó fui a loucuras tirei o cacete de dentro deixando só cabeça e soquei com muita força até explodir num gozo dando tapas fortes na bunda de Igor que ficou todo marcado.

Delicia...

Agora me divido entre em me satisfazer com Igor e nos finais de semana com sua irmã.

O safado quando chega em sua casa com a esposa da uma de machão, mas quando estamos na capital e minha mulherzinha todas as noites, nem quer mais outro macho, mas estamos pensando em fazer uma suruba entre ele eu e o vizinho Lucas quero ver se ele vai aguentar nos dois num dia só.

Depois volto para contar.





Docecomomel(hgata)

Feira de Santana , 09 de setembro de 2016.

Bahia:Brasil.
Estou também  em outros sites.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts