Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)

Acessos em Êxtase !

terça-feira, 26 de abril de 2016

Sexo Traição em Família








Olá pessoal. Meu nome é Marcos tenho 23 anos de idade e um cacete de 21 cm bem grosso. Sou moreno com 1,82 de altura com 82 kg. Não sou atleta, mas tenho meu corpo bem cuidado e sarado.
Sou noivo e vivo em um dilema terrível, amo outra mulher além de minha noiva, mas não posso ficar com ela porque ela é casada. Mas é muito safada e gostosa e já faz 06 anos que transo toda semana com ela.

Quando meu tio vai pescar com amigos eu passo à noite na casa dela ai a farra é completa. Adoro sexo e com esta esposa do meu tio então é tudo maravilhoso.

Tudo começou assim... Seu nome é Marcela, mulher casada, séria, trabalhadeira e muito dedicada à família. Mas meu tio é doente e a deixa sem sexo por muito tempo. Então quando podemos a gente curte muito gostoso.

Quando acontece de nos encontrarmos e seu marido está por perto é um sacrifício porque temos um tesão pelo outro, que sei que sua xoxota fica melando de vontade, mas tentamos segurar a onda. Só basta ele ficar ausente e marcamos nossos esquemas pra fodermos muito.

Minha noiva até falou que se eu não fosse uma pessoa muito caseira, ate desconfiava de eu estar traindo-a, pois às vezes ficamos uma semana sem foder. Não sabendo ela que em uma noite só eu e a suposta tia trepamos de cinco a seis vezes.
Ela é gostosa demais. Fode como uma ninfeta, adora criar e fazer todas as posições. Sexo anal para ela e fundamental ao contrário de muitas que acham que isto é nojento. Adoro pega-la de quatro e comer seu rabo vendo meu cacete todo atochado dentro dela e ela só rebolando e gemendo.

Uma potranca assanhada, tenho pena do meu tio, ser corno, mas nada posso fazer por ele além de cuidar direitinho da esposa dele. É melhor do que um estranho, você não acha?

Pois nossa última aventura foi sábado passado logo cedo recebi um watts app dela avisando bem assim:

-Marquinho meu lindo seu tiozinho vai pescar, você vai deixar sua tia tomar uma garrafa de vinho sozinha em pleno sábado? Respondi de imediato:

- Querida tia você não vai tomar vinho sozinha de jeito algum, ainda vou levar leitinho para você beber, topa?

- Claro amorzinho adora leitinho quentinho direto da fonte.  Assim logo respondi:

- Pois me espere as 22.30 eu chego aí. Mas antes vou dar uma enrolada na minha noiva.

-Hum!... Está bom pode sarrar muito com ela que esvazio seu tanque! Estou sedenta de ti!

Fui para casa da minha noiva, aleguei logo cansaço para não poder sair. Ficamos namorando no sofá e vez ou outra olhava no relógio, até que ela perguntou por que eu estava assim. Respondi dizendo que estava muito cansado, pois tinha malhado bastante de tarde na academia.

-Ah! amor vai embora não fica mais um pouquinho!

Até fiquei com pena, pois ela é uma pessoa muito legal, mas como eu tinha marcado encontro com minha amante. Assim eu posso dizer estava cheio de tesão, ansioso, esperando a noitada que teria.

Não sei você, mas eu acredito que todo homem adora dar um corno. O tesão aumenta só de saber que esta fodendo a mulher de outro.

Pois bem, logo fui embora cheguei à minha casa, deixei o carro e sai de motocicleta. Antes para evitar qualquer desconfiança da noiva telefonei do telefone de casa dizendo que havia chegado em casa e já iria dormir. Assim saí pela noite levando um segredo, muito tesão e com a carteira cheia de camisinha.

Antes de chegar na casa do meu tio, telefonei para saber se estava tudo bem. Logo quando me aproximava Marcela, ligeiro ela abria o portão da garagem e eu entrava escondendo a motocicleta no final da garagem. Quem passasse não percebia que tinha alguém na casa. Desci lhe dei um beijo na boca e ela logo falou que estava ansiosa para que eu chegasse.

-Oba, olha eu aqui! O que tem de bom pra mim?

E sem me deixar descer direito da moto ela segura no meu cacete abre a braguilha e diz:

-Sempre quis correr o risco de alguém me ver pagando um boquete!

Sem dizer nada, me apoie na motocicleta e ela caiu de boca no meu cacete. Chupava deliciosamente. A saliva escorria pelos cantos da boca, eu como todo macho fiquei louco de tesão vendo a minha puta safada me pagar um boquete ali na garagem. Local onde qualquer pessoa que passasse pela rua àquela hora poderia ver.

O tesão me dominava, mas eu queria mais queria aproveitar cada momento da noite. Foi assim que falei:

-Calma senão eu gozo em sua boca!

Foi quando ela me respondeu que a coisa que mais gosta é tomar leite do seu macho tesudo. Eu não aguentei, segurei em sua cabeça e comecei a socar sem dó nem piedade. Ela chegou até a engasgar, mas fui aliviando as estocadas ate que comecei a gozar enchendo sua boca de esperma.

Marcela não desperdiçou nada e ainda com a cara de safada abriu a boca me mostrando meu leite em sua boca depois engoliu. A Safada tesuda me segurou em uma das mãos e me levou até o quarto dos fundos.

Já transamos em seu quarto de casal, mas hoje ela disse que queria inovar. Delícia! Entramos e fomos tomar um banho. No banheiro mesmo eu chupei a sua xoxota lisinha dela, toda meladinha.

Logo ela me ofertou seu delicioso néctar de fêmea e logo e fomos para a cama. Que era bem macia e confortável. Marcela já caiu na cama com um tubo de creme lubrificante nas mãos. Dei-lhe um beijo mordiquei seus seios, ate deixei uma marca, ela sorriu dizendo:

-Está marcando sua puta é, Marcos?

-Não amorzinho, meu tesão por você é tanto que se você não tivesse marido eu deixava você toda mordida...

-Ah! não fale dele nesta hora tadinho, está pescando com os amigos e deixa a piranha dele para o sobrinho tomar conta hein?

-Claro e eu cuido direito ou não?

-Cuida até demais. E com um movimento me passou o tubo de creme umedecedor genital e uma camisinha, sorri e falei está querendo cacete é minha cavala safada?

-Claro amor, quero e muito!

Sem esperar eu dizer mais nada Marcela ficou de quatro. Dei uma lambida em sua xoxota, depois dei uma boa pincelada de língua em seu anel. Ela rebolava em minha cara, de tão safada que é. Vi que suas pregas latejavam. Foi assim que botei a camisinha, lambuzei meu cacete com creme, passei também em seu anel, me aproximei e comecei a esfregar fazendo com que ficasse relaxada ate que comecei a meter lentamente.

Ela gemia e ia falando, me implorando que metesse gostoso, que estava com saudades de nossas fodas, segurei em seus quadris com força e empurrei o cacete de vez fazendo com que a cabeça do cacete entrasse toda.

Ela soltou um gemido alto. Pedi que relaxasse, ela falou alguns palavrões tipo, safado filho da puta tesudo. Eu parei um pouco para que aliviasse o ardor em suas pregas, até ela pedir que fodesse ela bem gostoso e com força.

Aí, meu amigo, segurei em sua cintura e recomei uns movimentos de vai e vem de entra e sai.

Marcela e eu delirávamos de tesão. Eu apertava sua bunda, dava tapas. Ela só gemendo. Fiquei em pé atrás dela só metendo gostoso, parecendo um garanhão dominando uma fêmea em ciclo reprodutivo. O tesão falou mais alto e eu comecei a ter um orgasmo simultâneo com Marcela que gemia como uma alucinada.

Literalmente desabei sentindo os espasmos do meu gozo. Fiquei alguns segundos com a respiração ofegante. Meu cacete saiu de seu rabo guloso. Tirei a camisinha e Marcela veio igual bezerrinha desmamada e lambeu até o cacete ficar limpinho.

Descansamos uma hora mais ou menos, tomamos outro banho e recomeçamos novamente. Marcela parecia uma potranca gulosa desejando cacete. Fizemos todas posições possíveis. Ficar deitado e ver aquela safada galopando em meu cajado é bom demais, melhor ainda foi foder gostoso enquanto ela se apoiava na cabeceira da cama.

Meu cacete entrava todo deixando só os culhões de fora. Final do terceiro round quando coloquei ela de quatro e comecei a meter sem camisinha até sentir meu gozo escorrer de sua xoxota gulosa.

Assim finalizamos a noite, mas antes de ir embora as seis horas da manhã ainda fizemos um sessenta e nove e novamente saboreamos nossas seivas que são como néctar que dá prazer e aumenta o tesão que existe entre nós.

Já são seis anos de muita aventura e não penso jamais abrir mão de minha amante tesuda gostosa e muito safada. Vocês acham que sou errado em aliviar as necessidades de uma coroa safada, gostosa que ficava carente por necessidade física do esposo? Atire a primeira pedra quem nunca desejou uma mulher do próximo.

Amor e sexo alimento da alma.

Feira de Santana 13 de abril de 2016.

Bahia Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts