Acessos em Êxtase !

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Peguei a mulher do meu tio.



Olá
Meu nome é Valdir sou casado, mas gosto muito de aventuras ainda, mas quando as mulheres descobrem que sou bem dotado, como não sou de passar por trouxa deu bola estou cantando. Adoro sexo.
Minha ultima aventura aconteceu na última sexta-feira era feriado e minha esposa foi passar a semana santa com a família em outra cidade. Eu trabalhei durante a noite de quinta feira e meu tio que é irmão de minha mãe me convidou a ir almoçar com ele e família. Assim quando cheguei do trabalho eu fui dormi acordei às 11 horas levantei, tomei banho fiz a barba e fiz depilação completa no púbis.
Quando estava me depilando me bateu um tesão grande ainda pensei em bater uma punheta, mas depois desistir pensando que aquele dia merecia algo especial, quem sabe alguma prima poderia levar uma amiga e eu estaria armado para o final de semana que iria passar sozinho.
E com este pensamento terminei meu banho vesti uma roupa esportiva e fui até a casa do meu tio. Levando para ele de presente duas garrafas de Vinho. Família reunida todos em confraternização o almoço farto foi servido e todos beberam vinho e refrigerantes. Ficamos conversando até de tardinha e logo as pessoas iam indo para suas casas. Meu tio um coroa muito conversador não parou de beber em momento algum até sua esposa que é do segundo casamento alertou que ele poderia ficar bêbado, coisa que ele ignorou dizendo que estava em sua casa qualquer coisa ia dormi.
Assim ficamos conversando até que todos foram embora ficando só eu meu tio e sua esposa. Uma morena muito bonita de corpo com uma bunda bem tesuda. Depois já começou a escurecer meu tio ficou completamente bêbado quando levantou para ir para o quarto cambaleou caindo sobre o sofá. Sua esposa que vou chamar aqui de Lígia pediu que eu a ajudasse a levar meu tio para a cama assim fomos segurando ele até o seu quarto lá deitamos ele tiramos a camisa deixando-o só de bermuda. Assim a Lígia e eu saímos e fomos para sala, ela agradeceu pela ajuda e disse que iria fazer um café.
Aceitei o café que ela trouxe quentinho e começamos a conversar, ela disse que gosta muito do meu tio, mas quando ele começa a beber só para quando não aguenta mais.
Disse que tivesse paciência que ele era boa pessoa que passou por dificuldade quando sua esposa veio a falecer de câncer, mas que iria conversar com ele outro dia.
Quando ela disse que eu poderia dormi lá e que pela manhã já aproveitava e conversava com meu tio. Concordei já que estava só mesmo à esposa estava viajando. Lígia disse que eu teria que dormi no sofá da sala, se me incomodaria com isto?
Eu disse que de forma alguma que ficaria vendo TV ate pegar no sono. Assim nos despedimos e ela foi tomar banho para ir dormi.
Ouvi o barulho da água no banheiro, fiquei imaginando a água escorrendo pelo seu corpo moreno e isso me causou uma breve ereção. Tentei desviar os pensamentos e fui dormi...
Já bem tarde da noite eu dormindo ouvindo só barulho do velho ventilador percebe uma mão acariciando meu cacete. Abri os olhos lentamente e vejo a esposa do meu tio sentada no chão ao lado do sofá.
Perguntei-lhe o que houve?
Ela disse que não conseguia dormi pensando em mim, que estava carente de sexo, mas que nunca tinha traído meu tio.
Respondi tudo bem Lígia entendo, mas você assim com esta camisola fina eu deste jeito podemos acabar transando é isto que você quer?
Ela disse que nunca o havia traído, mas que estava muito carente e ainda mais que ouviu seu marido falar com o irmão que eu era bem dotado. Que havia ficado curiosa. E me perguntou se era verdade que era bem dotado.
-Eu sorri dizendo que sim, mas se ela tinha duvidas se eu poderia lhe mostrar?
-Eu disse que sim, mas não seria responsável por mais nada!
-Tudo bem eu quero ver me responsabilizo pelo que acontecer.
Assim ela pegou em minha mão me levou ate um quarto que estava vago com muitas caixas entrou rapidamente e ela logo fechou a porta.
Abaixei a cueca box os olhos de Lígia arregalaram quando de dentro da cueca surgiu um cacete grosso de 23 cm cheio de veia e uma cabeçorra bem larga. Não quero me vangloriar mais é 23 cm de puro tesão.  Ela ficou admirando por alguns minutos e logo segurou com uma das mãos e abocanhou. Sua boca quase não cabia. Mas com jeitinho ela começou a me pagar um boquete delicioso. Tirava meu cacete da boca, lambia meus culhões depois metia de novo o cacete deixando todo babado. Uma delicia de boquete.
Eu apertava seus seios, segurava sua cabeça e mexia com os quadris metendo o cacete ate onde ela deixava ,teve momentos que Ligia engasgou e sorrindo tirou meu cacete e disse que o meu dava dois do marido dela.
-Ah é safadinha então aproveita e mama gostoso, foi ai que ouvimos barulho vindo do quarto dela.
Ela se assustou e disse que ia ver o marido eu fui junto com cacete balançando fora da cueca.
Ele ainda dormia só havia tossido e mudado de posição na cama. Voltamos e ficamos na janela do quarto.
Ligia apoiou-se na janela do quarto eu me abaixei dei uma chupada gostosa na xoxota meladinha, não demorou muito senti seu gozo inundar minha boca, suguei ate ultima gota.
Foi ai que ela abriu a janela lentamente ficou apoiada como se tivesse de quatro eu fiquei atrás dela lambuzei cabeça do cacete e comecei a forçar metendo gostoso em sua xoxota. Ela gemeu dizendo que eu estava arrombando com ela. Sorrimos nos beijamos e voltamos a meter gostoso.
Soquei por mais de dez minutos sem parar sentindo a cabeça do cacete lambuzar de mais um gozo de Ligia, até que percebi meu gozo se aproximar dei mais umas estocadas com força e tirei cacete e gozei-nos quadris dela. Ficamos abraçados alguns minutos o dia já amanhecia fui tomar banho que ia trabalhar cedo e Lígia foi para seu quarto.
Ainda no banheiro enquanto tomava banho pensava na safadeza que tinha feito com a mulher do meu tio quando percebi vozes na cozinha. Terminei meu banho vesti a roupa e fui ate onde ouvia vozes.
Meu tio estava na mesa com cara de ressaca tomando uma xicara de café.
Bom dia tio!
Bom dia que bom que você dormiu aqui meu sobrinho a Lígia detesta quando eu bebo demais e ela fica sozinha.
Eu entendo tio mais tem que reduzir a bebedeira.
Eu sei meu sobrinho eu sei. Ainda bem que Lígia é uma mulher honesta senão não sei o que seria de minha cabeça!
Compreendo tio, mas já vou que tenho que passar em casa para pegar roupa para trabalhar.
Obrigado meu sobrinho. E com um aperto de mão me despedi de Lígia.
Pequei celular dela e agora sempre quando estou trabalhando a noite ela me manda mensagens e ficamos conversando muita sacanagem, ela sempre fica me dizendo que adorou nossa aventura, mas quer repetir com mais calma e tempo. Já estou esquematizando trocar um turno no trabalho para que coincida com o trabalho do meu tio para passar uma noite inteira no motel com a mulher do meu tio, para que possamos fazer uma verdadeira noite de muito sexo para acabar com a carência dela. Uma morena safada e muito gostosa.
 Adorei proporcionar muitos orgasmos, foi ela que me disse que nunca tinha gozado tanto em toda sua vida. Apesar de ter ficado toda assada.


Docecomomel (hgata)
Feira de Santana, 04 de abril de 2016.
Bahia Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)