Acessos em Êxtase !

domingo, 17 de janeiro de 2016

Sou um corno submisso.


Olá.

Hoje eu vim relatar como foi que minha mulher me deu de presente de Ano Novo mais um par de chifres. Desde que me casei com Laura ela sempre gostou de sair com outros homens. Ela faz questão que eu saiba. Eu não me importo quando ela chega toda suada com a xoxota melada depois de foder muito com seu amante.

Aliás adoro sentir que está arrombada pelo seu amante e faço questão de chupar muito sua xoxota e faze-la gozar na ponta da minha língua. Eu não sou ciumento. O que desejo é ver minha mulher feliz.

Muito antes de casarmos ela tinha este amante e nunca deixou de me trair. Ela já tentou ficar sem ele, mais depois que lembra-se de como é gostoso foder com ele não resiste e saem.

Como um bom marido e corno conformado eu não me importo, sei que ela me ama, mais adora sexo e eu libero na boa minha mulherzinha para o amante dela.
Só que no dia 31 de dezembro ela disse que queria dar a última foda do ano na nossa casa e na nossa cama. Relutei ainda um pouco com medo dos vizinhos desconfiarem, mas minha putinha deu jeito dizendo que ele viria consertar o chuveiro. A vizinhança sabia que ele era eletricista e encanador. Assim ficou acertado dele vim as 15 h.

Quando o celular de Laura tocou ouvi ela atender e dizer que poderia vim sim que seu marido estava trabalhando. Quando ela disse bem assim:

-Pode vim meu amor, o corno está trabalhando venha sim, venha comer sua putinha antes do ano novo se iniciar, estou louca de tesão !

Eu fiquei já de pau duro de tanto tesão ao saber que minha safada ia foder em nossa cama. Em instantes chegou alguém no portão. Saí pela porta dos fundos e fiquei na lateral da casa observando pela fresta da janela.

Logo eles entraram foram direto para o nosso quarto. Ela fez com que ele sentasse na beirada da cama, tirou seus tênis deu um longo beijo e foi para cozinha preparar um lanche para ele. Logo ele surgiu na porta do quarto com uma bandeja com suco e bolo.

Ele com uma das mãos ocupada, mas com a outra acariciava suas coxas, apertava sua bunda e entre um gole de suco e outro deu uma mamada em seus peitos que são bem desenvolvidos. Adoro quando estou fodendo e vejo seus melões balançando de um lado para outro. Aperto de ficar com marca de minhas mãos.

Logo o amante da minha mulher levantou tirou camisa e calça ficando só de cuecas. Minha mulher abaixou em sua frente e começou a chupar o pau dele, diga-se de passagem enorme, nem sei como ela conseguia engolir quase todo. Deveria ter mais de vinte e um centímetros.

Laura engolia com maior facilidade. Ele segurava em seus cabelos guiando-a como queria. Aí vi ele acelerar os movimentos dos quadris e ficar elevando a cabeça dela de baixo pra cima até soltar gemido e gozar.

Minha puta é safada mesmo, nunca tomou meu leite, alega que tem nojo, mas do amante bebeu sem deixar desperdiçar nem uma gota sequer.

Aí ele deu mais uns amasso e mais enfiava a mão na xoxota dela. Eu só olhando e me masturbando. Teve uma hora que ele lambuzou os dedos e lambeu um a um. Ela com os olhos arregalados sentindo tesão ver que ele provava de seu melzinho.

Logo ele retornou e enfiou a mão de novo na xoxota dela. Ela gemeu, arqueou mais as pernas para que ele pudesse brincar a vontade. Aí retirou mais uma vez e deu pra ela lamber dedo por dedo.

Laura fazia lentamente sentindo muito tesão. Foi assim que ele ordenou que ela ficasse de quatro levantou ficando atrás dela. Pela fresta da janela eu vi como o cacete dele era grande, grosso e duro. Chegava apontar para seu umbigo.

Aí puxou ela para que ficasse bem na beirada da cama, baixou-se deu uma lambida em sua xoxota, enfiava a língua provocando-a e com as mãos apalpava a bunda, sem deixar marcas. Laura safadinha rebolava na cara dele.

Depois de mais de dez minutos ele chupando a xoxota dela e segurando o cacete que babava muito, não sei tanto quanto, mas sei que éramos os três sentindo muito tesão. Ai ele levantou segurou no cacete guiou até a entrada da xoxota, esfregou um pouco para lambuzar cabeça do cacete e com movimento de quadris começou a meter. Caracas em instantes estava todo dentro! Eu pensava “coitada da minha putinha”, mas ela estava gostando. Ela queria, então era bom para ela. Aí ele meteu todo deixando só os culhões de fora. Ela gemia dizendo:

-Esta bom amor? Era assim que você queria na minha cama?

-Era sim e depois ainda vai esperar o corno sem se lavar para aquele desgraçado senti meu gosto também viu safada?

-Sim amor quando ele chegar do trampo estarei aqui toda suadinha e meladinha pra ele!

Ele começou um vai e vem socando sem parar até que pelas feições de seus rostos dava para perceber que o gozo se aproximava. Logo ele segurou com força em seus quadris e socou com força e rapidez.

Senti Laura dar uns tremores e ele ficar atracado a ela por alguns minutos. Não demorou ele tirou cacete pingando lambuzado, deu pra ela chupar, e foi tomar banho. Ela safada enquanto o amante se banhava colocou cabeça para fora da janela e me deu um beijo.

Senti gosto de pau gozado, mas minha diva merece todo sacrifício. Em minutos ele saiu já vestido com os cabelos úmidos, deu um abraço nela e falou:

-Pronto safada! já recebeu seu leitinho de hoje!

Laura perguntou se ele já ia:

- Sim tenho que colocar um chuveiro na casa da mulher do pastor!

Laura sorriu pois sabia que ele era amante da mulher do pastor também.

-Depois falamos viu? Não esqueça nada de dá o rabo para o corno viu? Sabe que seu rabo tem dono!

-Sim meu amor ele é só seu.

E saiu assim que fechou portão entrei pela porta da cozinha e lá estava minha mulherzinha com xoxota lambuzada de leite. Assadinha e inchada esperando por mim.

Caí de boca até deixar tudo limpinho e depois coloquei camisinha e comecei a foder. Sobrava espaço pois meu cacete era bem menor do macho de minha mulher.

Delícia chupar uma xoxota assadinha, ainda mais a mulher te chamando pelo nome. Adoro ser chamado pelo nome que me esposa me chama que Cornélio.

Sou sim um corno e não tenho vergonha disso, só não quero que os vizinhos saibam pois ficariam cantando minha esposa e ela já tem seus dois machos para satisfazê-la com muito sexo.


Docecomomel(hgata)

Feira de Santana.Bahia Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)