Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)

Acessos em Êxtase !

domingo, 6 de abril de 2014

Amigos...E amantes







Amigos & amantes.
Bom pra começar este conto eu vou dizer como é o homem que eu me interessei, mesmo sendo casada e com um filho já rapaz.
 Meu filho Marcos estuda em uma faculdade e sempre trás amigos até nossa casa. Eu sou Marina sou casada tenho 41 anos meu marido trabalha de motorista carreteiro e fica até 3 semanas fora de casa,rodando por todo Brasil.
Meu primeiro filho Marcos é um moreno alto muito bonito tem corpo malhado. 
Ele estudava e frequentava academia, e algumas vezes no retorno da faculdade antes de ir para sua aula de musculação. Ele passava em casa  com um amigo seu...Ricardo que também frequentava mesma  academia.Eu achava Ricardo muito bonito sempre tive uma queda por morenos,ele era alto com jeito simples e um sorriso de partir corações.Criamos um laço de amizade e Ricardo passou a frequentar nossa casa assiduamente.Dormia e almoçava em minha casa.Mesmo Marcos não estando ele chegava lá e se acomodava no quarto de Marcos para estudar.Sempre eu ia até o quarto para levar um suco  ou um sanduiche natural que  os meninos adoravam.Algumas semanas se passaram e Ricardo estava em nossa casa sem o Marcos ai fui levar um suco bati na porta não obtive resposta adentrei sem me preocupar com nada.Fiquei surpresa quando avistei Ricardo no meio do quarto sem roupas apenas enrolado em uma toalha que mostrava seu corpo quase todo.Senti uma leve excitação,observando seu corpo bonito sem pelos no tronco, coxas grossas e braços másculos.Tudo que toda mulher almeja.Meus olhos cintilavam de tesão,foi quando eu pedi desculpas pela invasão. Ricardo sorriu e disse quem teria que pedir desculpas era ele por está quase nu sem a porta do quarto está fechada, depois rimos ao mesmo tempo. Pois parecíamos dois bobos um querendo pedir desculpas ao outro mas notava-se um clima no ar.E foi eu que me adiantei falando ,aceito as desculpas Ricardo mas desde já te peço  que evite outras vezes,pois bem sabes que fico muito tempo só, sendo normal como toda mulher tenho minhas carências apesar da minha idade.
Surpreso Ricardo repetiu apesar da idade, não entendi esta Marina, eu ri respondendo claro Ricardo que quando chegamos a uma idade as coisas mudam.
Mas você falando assim parece que se acha uma idosa, isto você não é. Idosa não,mas sei que a idade já demonstra em meu corpo.Afirmei com insegurança total na voz.
Que bobagem você é muito jovem. eu mesmo a acho muito gata.
Ah Ricardo não diga asneiras eu já com meus 41 anos sinto-me cansada e incapaz de despertar algum interesse de outro homem que não seja meu marido.
-Não diga assim Marina eu digo e afirmo você é muito bonita e se não fosse casada e mãe de meu melhor amigo não pensaria duas vezes em te paquerar.
Fiquei rubra de vergonha, mas ao mesmo tempo eu me sentia feliz por ouvir palavras que enaltece a libido. E sem pensar o que poderia ocorrer abracei Ricardo e com intensa paixão nossos corpos se entrelaçaram em um abraço terno e cheio de volúpia.Ricardo fechou a porta e ali na cama de solteiro começamos  a tirar nossas roupas.Agora vejo que foi  uma loucura o que fiz,mas uma deliciosa e contagiante loucura.
E aos poucos os carinhos foram se intensificando e em minutos estávamos em um sessenta e nove maravilhoso. Sentir seu cacete rígido na minha boca foi algo tão bom que até parecia que eu era alguma ninfetinha sem experiência.
Ricardo brincava com sua língua em meu clitóris e em segundos gozei, foi o gozo mais sensacional que já tinha experimentado na minha vida. Sentia como se meu corpo estivesse em outro plano.As emoções e sensações foram aquém do que sempre consegui com  meu marido.
Sentir aquele rapaz jovem no auge de sua juventude despertar com tamanha intensidade meus desejos que estavam adormecidos foi bom demais.
E quando Ricardo me colocou de quatro (4) com minha bunda arrebitada, sempre apalpando meus seios e com maestria começou a forçar seu cacete na minha xoxota que estava lisinha e meladinha fui à loucura dando gemidos que até pareciam urros de um animal ferido. Foi com  a intensidade de movimentos entre um vai e vem um beijo,um carinho eu me sentia desejada e amada.
E assim provei com intensa alegria e satisfação de uma relação extraconjugal, e ainda mais com um jovem amigo de meu filho.
Era surreal, mas muito boas sensações eu senti. E quando Ricardo falou-me que fazia tempos que me desejava foi ali partir daquele momento em diante que me vi renascer nos braços de um macho super gostoso.
Nossa relação perante os outros é de amizade e carinho, mas entre os quatros paredes somos dois amantes com muita sede de sexo e prazer. Desse dia em diante nunca mais deixamos de transar.Não importa a idade nem minha condição de casada o que importa  é que somos um para o outro.E nunca em minha vida meu marido conseguiu me fazer gozar como  o Ricardo.
Podem criticar me chamarem de safada, não me importo o que conta são os prazeres que sinto com meu amante.

Docecomomel(hgata)
Feira de Santana ,06 de abril de 2014.
Bahia Brasil.
12º /2014




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts