Acessos em Êxtase !

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Aventura Louca,uma trepada casual!



E a primeira vez que passo a relatar as minhas aventuras.
Meu nome é Andressa eu tenho 32 anos, sou morena, separada não tenho filhos e adoro curtir a vida.
Eu trabalho com vendas, sempre tenho a oportunidade de conhecer muitas pessoas, especialmente homens casados, que são ótimos amantes e muitos discretos.
Eu que não sou louca de perder a chance se sair com algum destes clientes e passar boas horas a sós e ter a oportunidade de por fodê-los muito, alguns já meio coroas chegam ficar de pernas bambas. Adoro tudo isto.
Nesta ultima semana em uma viagem bem rápida uma cidade próxima eu passei pra rever alguns clientes, e um deles bem safado, que já conheci quando eu ainda era casada e sempre me paquerava.
E neste contato comercial desde o primeiro momento vi que não se continha de olhar para o colo dos meus seios e não tirava os olhos de minha bunda maravilhosa.
Mas o começo desta aventura eu contarei sem muitos rodeios depois do Edgar fazer um belo de um pedido me convidou a tomar uma cerveja. Como
Disse que não bebia, mas poderia acompanha-lo em um suco de frutas.
Edgar sorriu feliz e foi logo dizendo que em 10 minutos já estaria saindo do seu comercio.
Se eu poderia espera-lo?
_Claro que sim!
 Como eu havia ido com meu carro ele pediu que o acompanhasse até um estacionamento que assim iríamos com seu carro.
Assim eu fiz.
Entrei em seu carro e Edgar muito sorridente perguntou onde poderíamos ir?
Respondo que ele que decidisse.
Logo saí em direção à autoestrada eu sabia mais ou menos para onde estava indo
Mas apenas fingia distração.
Logo Edgar entrou em um motel recém-inaugurado e com sorriso falou... Estava doido para vir aqui ,mas queria vim com uma princesa,mas vim com uma rainha.E segurou em uma das minhas mãos.
Entramos e Edgar e eu começamos e nos beijar no meio do quarto e aos poucos nossas roupas eram tiradas e jogadas pelo chão.
Eu não conseguia resisti ao desejo de ser a safada gostosa e puta, que eu adorava ser na cama e foder bem gostoso. Não resisti muito ao tesão e começamos a nos agarrar no quarto com a porta ainda aberta.
Edgar era bem safado nosso sexo estava muito intenso e bem safado. Em minutos eu já gozava em sua boca.
Resolvemos nos dar um tempo e fomos ao banho.
Olhar para Edgar e ver sua cara lambuzada foi até cômico, mas adorei sentir sua pegada.
 Tomamos banho Edgar me ensaboava o corpo todo, o mesmo eu fazia com ele.
Abaixei e lhe fiz um boquete ele gemeu gostoso sentindo o calor da minha boca enquanto lhe mamava gostoso.
Mas não quis gozar logo, ai fomos para cama e Edgar disse que adora dar umas tapas na bunda da mulher e que gosta enquanto fode adora ouvir uns gemidos ou gritos de prazer.
Claro que os gemidos da companheira de transa são muito bom.
Vesti uma calcinha de renda vermelha e subi na cama e fiquei de quatro (4). Logo Edgar também subiu na cama e ficou atrás de mim,e com as duas mãos apalpava minha bunda e dava leves tapas,depois começou  afastar minha calcinha de  um lado e outro e começou a enfiar primeiro  a língua e com um dos dedos friccionava meu rabo .
Enquanto me contorcia de excitação, e logo em seguida mais tapas e a língua subiam e desciam até que minha calcinha foi rasgada.
Edgar sugava meu grelo que ouvia os estalos de sua língua.
Mudamos de posição e começamos um sessenta e nove (69) não resisti e comecei a lamber primeiro a cabeça e depois engolindo e chupando as bolas como se estivesse chupando um pirulito de morango... Que adoro
Estávamos em pleno fogo, ai Edgar ficou louco de tesão colocou camisinha no cacete.
E ambos doidos de prazer ele não querendo gozar naquele momento ainda. Edgar já tinha provado do meu gozo duas vezes.Fiquei de quatro na beirada da cama e Edgar apalpava minha bunda,dava tapas,metia língua na minha xana,lambia meu cuzinho que piscava de tesão.Batia com cacete na minha abunda.estava louco de tesão eu era sua putinha,seu objeto de prazer.
E nesta sequencia de delírios Edgar não aguentava mais  resistir me  puxou até beirada da cama e segurando pela cintura começou a bombear com intensidade e  vigor.
Meu tesão aumentou quando eu sentia seu cacete latejando todo enfiado nas minhas entranhas.
Aquele porrete parecia que ia me deixar arrombada para sempre.
E nesta sequencia de fodas sempre alternando na xoxota e nos seios, fizemos uma espanhola e Edgar sempre me chamando de minha putinha safada.
Ora ele estava por cima, de frente, de papai e mamãe, teve um momento que Edgar colocou minhas pernas toda levantada em seus ombros ambos gemendo muito. E com sucessivas estocadas seu cacete parecia me rasgar ao meio.
Até que depois de alguns minutos sinto espasmos e ele finalmente enche a camisinha de leite.
Em seguida me abraça e com sorriso maroto falou-me que havia tomado um remédio para prolongar o máximo nossa foda.
Rimos juntos e ficamos no motel ate o amanhecer. Edgar está colecionando minhas calcinhas, sente maior prazer de rasga-la em meu corpo e cai de boca na minha xoxota. E rindo diz que esta adorando estuprar sua putinha safada.Ele apesar de seus 51 anos tem muito vigor,estou amando ser sua putinha de luxo.
Edgar adorou transar comigo e sempre que vou até sua cidade, já é certeza de termos um tempo para mais uma transa maravilhosa. E estou levando assim minha vida , com muito sexo casual com muito carinho e respeito. Espero que tenha gostado deste relato que não é verídico meu... Mas me foi passado por uma amiga que está vivenciando esta aventura.

Beijos doces.
Docecomomel
Vejam meu vídeo.
http://www.youtube.com/watch?v=orGuigbsyMw&feature=youtu.be

Um comentário:

  1. Adorei o relato.. gosto de pessoas assim, como essa sua amiga, cheias de atitude.. o relato ficou muito excitante, vontade de viver cada momento com essa mulher deliciosa... fiquei com muito tesão. beijos safados

    ResponderExcluir

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)