Acessos em Êxtase !

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Meu Vizinho Garanhão!


 

Olá pessoal.

Desculpem a ausência.

Mas eu mudei de endereço e fiquei sem tempo, mas aconteceu-me uma aventura que tive que vir contar urgente,

Acredito que achei um amante.

-Ufa e que energia parece um garanhão reprodutor

Pois bem casa nova, vizinhos novos. Eu no maior pique aproveitando meus últimos dias de férias para deixar tudo organizado, voltando do centro da cidade assim que entrei no condomínio chegando à frente da minha casa uma surpresa!

 Estava sem a chave.

Poxa havia esquecido que deixei minha chave com a faxineira para fazer uma cópia.

Desci com as compras e coloquei na área de serviço que tem acesso pela porta lateral.

Foi assim que comecei a ligar para meu irmão, afinal queria entrar em casa, tomar um banho e descansar.

Meu irmão atendeu e pediu para que aguardasse mais um pouco.

Imaginei o pouco seria mais ou menos umas 2 h.

Meu vizinho que mora em frente à minha casa me viu sozinha veio até mim e convidou-me a ficar em sua casa até meu irmão chegar.

Não vi nada demais, pois já tínhamos conversado antes na reunião dos condôminos.

Soube que é divorciado tem dois filhos que passam tempos com ele.

Um cara boa pinta acho que nem 40 anos tem.

Ficamos na sala de sua casa conversando amenidades, mas via seus olhares sobre meus seios, que me deixou inibida.

Mas como toda mulher fica sabendo que esta sendo paquerada assediada, dá uma sensação de prazer e aconteceu de meus seios ficarem com os bicos eriçados.

Foi aí que a coisa piorou Itamar conversava e não desgrudava os olhos de meus seios, até que não aguentou e perguntou se eu estava com frio!

-Não eu não estou com frio pelo contrário estou morta de calor desejando um bom banho!

Muito gentil foi logo dizendo, não seja por isto vizinha pode tomar banho à vontade e indo em direção a seu quarto voltou com toalha e um roupão.

Sem poder recusar, peguei em suas mãos toalha e roupão foi até banheiro.

Aproveitei água morna que escorria pelo meu corpo e como se tivesse em minha casa cantarolava embaixo do chuveiro.

Assim que sai do banho fui até a sala e vejo meu vizinho sentado em frente à Tevê vendo um vídeo.

Sorriu para mim, mas notei que tentava esconder com uma almofada seu cacete que estava rígido.

Bem estranhei...

Sem motivo aparente está assim, foi assim que imaginei que enquanto eu tomava banho poderia ter ficado me olhando, mas eu não tinha certeza.

Fiquei sentada no mesmo sofá que Lucas (vizinho). Sentia que ele estava fazendo possível para se controlar, mas eu como safadinha que sou resolvi lhe provocar.

Diga-me Lucas que acha da vida de solteiro?

-Bom em alguns pontos, pois tenho minha liberdade de ir e vir sem dá satisfações, mas em compensação... Desculpe dizer ,mas sou meio tarado e ficar sem uma mulher dentro de casa para transar na hora que quero é muito ruim.

Mas é mesmo? Assim tão tarado?

-Veja só porque sabia que você estava tomando banho no meu banheiro estou aqui na maior saia justa tentando me acalmar!

-Ah é... Tadinho não se preocupe já vi cacetes rígidos, não vou me assustar!
-Mas ai que é o caso quer é acalmar dando uma bela de uma foda, não bater punheta, me desculpe vizinha, mas te acho muito gostosa e sempre te desejo quando fico te olhando.

-Ah é!

E sem dizer mais nada me aproximei mais de Lucas e dei um beijo.

Parece que fiz a coisa certa, pois o homem sem muitas palavras levantou fechou a porta da sala e voltando rapidamente ajoelhou a minha frente.

Alisando meus ombros foi abaixando meu vestido que deixou logo a mostra meus seios.

Sua boca ávida começou a mordiscar um a um.

Suspirei de tesão. Em poucos minutos estávamos sem roupa no sofá,

Lucas direcionou minha boca para seu cacete que foi difícil conseguir abocanhar, pois era bem grosso cheio de veias, parecia um porrete,

Eu nunca tinha me imaginado naquela situação, mas já que estava acontecendo teria que aproveitar o momento.

Lucas deitou no sofá e eu com ajuda dele fiquei sentada em sua cara.

Uau que delicia sentir seu bigode fazendo cocegas na minha xoxota. A pegação era boa demais nós dois juntinhos, se beijando se agarrando e se bolinando mutuamente Sentia sua língua percorrendo cada pedacinho da minha xoxota era impossível não rebolar e gemer muito alto. Não aquentei a excitação explodi em um orgasmo, aí que Lucas acelerou mais suas chupadas me deixando alucinada de tanto prazer.

Fomos tomar um banho e no Box ambos os peladinhos se esfregando um no outro a libido reacendeu novamente;

Eu não conseguia entender como eu fiquei sem notar tanto tempo a excitação que me impulsionava a sentir tanto prazer pelo Lucas.

Eu estava agindo da forma mais safada possível.

 Naquele momento Lucas esfregando seu cacete na minha bunda apalpando meus seios, virava meu rosto me beijava de língua.

Lucas apertava e agarrava minha anca e acochava seu cacete teso.

Parecia um touro reprodutor.

Claro que eu estava adorando a sacanagem dentro do box

O tesão era intenso logo me abaixei cai de boca e comecei a mamar aquele cacetudo.

Quase nem cabia na minha boca, sou quietinha, mas quando libero meu lado profano sou uma safadona mesmo. Lucas estocava com firmeza seu cacete que chegava encostar-se à minha garganta a cabeça do cacete.

Uau... Que delicia de macho, um garanhão mesmo.

Depois de lamber e chupar muito seu cacete sentiu se avolumar na minha boca e... Quando avisou que ia gozar já estava recebendo jatadas de leite garganta adentro.

Quando encheu minha boca aí começou escorrer seu leitinho pelos cantos dos lábios.

Logo eu que nunca bebi leitinho do meu ex: e adora estava adorando. De um cara que era praticamente um estranho.

Nem sei como pude fazer aquilo? Logo acabamos nosso banho e

Fomos para o quarto.

Recomeçamos a safadeza na cama espaçosa de Lucas que parecia um incansável, cacete já pronto pra outra.

Fizemos um gostoso papai e mamãe. Foi muito prazeroso sentir seu cacete atochado até o talo.

A variação de posições me fazia ficar mais fogosa ainda, depois, para variar cavalguei, gozando mais umas duas vezes.

Logo Lucas gozou de novo, uma única vez dentro da minha xoxota.

Estava quase noite, E continuávamos os dois insaciáveis; Mas precisava ir embora, pois ouvi o carro do meu irmão chegando, assim fui embora. Mas Lucas me fez prometer que eu deixaria ele me fazer uma visita uma noite dessas.

É claro que concordei, pois depois destas horas que fiquei com meu vizinho garanhão agora tenho certeza que conheci o macho dos meus sonhos.

Gostoso tesudo e safado.

E quando despediu de mim com um beijo Lucas falou que quer que façamos sexo anal.

Até gelei quando me lembrei do tamanho da tora;

Ele sentiu minha surpresa e falou pode deixar minha querida que só irei ate onde você deixar.

Sorri e pensei com dor ou sem dor, o quero todinho atochado em mim.

Depois volto para contar como foi que ocorreu.

Beijos e saudades;

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)