Acessos em Êxtase !

terça-feira, 17 de julho de 2012

Fuga Sexual Com Muita Safadeza








Uma das melhores coisas da vida é o amor... O amor corpo e mente aquele que complementa e da leveza a sua alma.

Tenho minha vida sexual ativa.
Estou casada atualmente, mas Adoro ser amada e cortejada.
Sou hetero, mas nada contra as preferências alheias.
Gosto é igual à cú cada qual tem o seu e usa como quer. (provérbio baianês)
E muito bom sentir o apetite sexual do seu amado
A relação homem e mulher são sublimes.
Pois bem recentemente decidi realizar uma proeza com meu amor, saímos sem destino sem hora nem lugar para dormir.
Só nós dois.
Fomos em direção ao interior, mas por sorte ou azar durante trajeto deu uma forte chuva e a temperatura caiu bastante.
Mesmo assim resolvemos continuar nossa viagem estrada a fora, íamos sem observar o trajeto e as condições climáticas.
Já estava escurecendo quando paramos em um posto de gasolina para abastecer o carro.
Marcos foi até o banheiro e eu ficando no carro indaguei ao frentista quantos km faltavam para próxima cidade.
Quando ele me disse até me assustei, pois não gosto de viajar durante a noite.
Enquanto o rapaz abastecia nosso carro fiquei olhando para ele, achei muito bonito com o sorriso espontâneo.
Marcos voltou e perguntou ao rapaz se tinha algum hotel ali próximo.
Vitor (frentista) disse que em um povoado ali perto onde ele morava tinha uma pousada que era bem limpinha e com preços módicos.
E por coincidência era de propriedade de uma tia sua.
Ele ainda disse se pudéssemos esperar uns quinze minutos ele nos levaria até lá, estava em seu horário de sair do expediente.
Não vimos perigo algum, pois me parecia ser pessoa responsável e honesta. Assim fomos até a lanchonete enquanto aguardava o tempo passar.
Ao longe pelo vidro eu notava que Vitor conversava com um colega seu e olhando em direção a lanchonete segurava no cacete.
Hum... Será que ele está achando que queremos um programa a três?
Bem Marcos sempre teve este fetiche de ver outro homem me foder.
Quem sabe é a oportunidade!
Aproximei-me do Marcos e abraçando-o falei com ele em voz baixa.
Meu querido lembra-se de sua fantasia?
Claro, mas porque falou isto agora amorzinho?
-Olhe aquele rapaz que vai nos levar até a pousada achei-o muito simpático sem contar à mala que desenha na roupa que parece bem taluda.
-Você bem sabe que tenho fetiche por um moreno não é meu querido?
-Sei sim minha safada que fica excitada por um cacete,sendo de um morenaço mais ainda ein?
-Claro amor desejo diversificar afinal você também gosta de variar, não é?
-Sempre não sai com suas amiguinhas?
-Ah vai ficar de ciúmes agora amor, que mal faz comer umas gatinhas de vez enquando você bem sabe que é só sexo mesmo!
-Sei sim Marcos e se você fica feliz eu também fico afinal te amo
Com beijo de leve em seus lábios saímos.Logo o frentista veio a nosso encontro.
Assim fomos ao nosso destino
Viajamos mais alguns km e chegamos até a pousada.
A tia do Vitor (frentista) muito simpática nos levou até o quarto.
Olhamos o quarto não eram nenhuma suíte quatro estrelas, mas servia para descansar o corpo até o amanhecer.
Logo fomos tomar banho íamos jantar para logo dormir, pois a jornada do dia foi longa e cansativa.
Quando nos dirigimos até sala de refeições encontramos de cara com Vitor.
Ele com um sorriso nos cumprimentou e falou:
Olha se vocês quiserem comer uma pizza ali na praça tem uma pizzaria muito boa e servem chope também.
Não precisa nem ir de carro é pertinho mesmo.
Achei muito bom ir à pizzaria e Marcos convidou Vitor nos fazer companhia.
O rapaz aceitou na boa. Conversamos muitos assuntos e resolvi tomar iniciativa com Vitor,comecei a roçar minha perna na sua,vi que me olhava sem graça.Mas não me dei por vencida roçava minha perna com movimentos intensos.
Ia tudo bem sem contar que Vitor estava cada vez mais excitado.
Quando em um momento Marcos foi até o banheiro deixando nós dois sozinhos ,eu olhei bem nos olhos de Vitor e perguntei.
-Não está gostando do meu carinho Vitor.
-Claro que estou, mas seu marido pode não gostar e isto dá confusão.
-Que nada rapaz! Ele sabe que estou te seduzindo, a única confusão que pode dá é você me fazer companhia lá em minha suíte hoje à noite.
-Jura que isto é um convite? E ele?
_Ah ele apenas quer ver a mulherzinha dele gemer com um cacete encravado na xoxota.
-Tem certeza disto?
-Claro deixa ele voltar do banheiro que dirá a você mesmo.
-Caramba isto para mim é novo já comi duas meninas juntas em um motel, mas comer mulher com marido vendo é a primeira vez, veja como já estou excitado!
-Olhando rapidamente notei que seu cacete era bem grande, maior do que eu tinha deduzido.
-Pensei é hoje que me acabo num cacete grosso... Aí delicia.
Marcos voltou à mesa e cochichei em seu ouvido que já tinha conversado com Vitor, mas que estava receoso por sua presença.
_Marcos apenas sorriu, e com palavras diretas comeou a falar com Vitor.
-Vitor meu rapaz Marcella me falou que você esta receoso com minha presença!
-Não se preocupe quero participar apenas vendo minha mulherzinha safada ser fodida bem gostoso por outro homem.
_Não se acanhe, faremos assim vamos para pousada vocês entram no quarto e depois de um tempo chego só para apreciar.
-Não precisa se preocupar já fomos casa de swing e adorei ver Marcella ser bolinada, ainda éramos tímidos, mas agora meu jovem o que vem pela frente é lucro e prazer faz parte do viver.
Assim fizemos voltamos à pousada e enquanto eu e Vitor íamos para o quarto marcos foi ver se carro estava fechado.
Com isto demorou alguns minutos.
Entrei com Vitor deixando a porta do quarto encostado.
Ficamos um de frente ao outro.
Abraçamo-nos.
Sentia o volume do cacete de Vitor aumentando rapidamente.
Vitor começou me beijando, boca seus lábios iam descendo pelo colo do pescoço, suas mãos passeavam pelos meus seios.
Em minutos meu vestido estava jogado ao chão. Ajudei Vitor tirar sua camisa sua bermuda,lá estávamos seminus.
Eu com uma calcinha vermelha e Vitor com cueca boxer branca.
Seu cacete rígido já estava babando de tesão.Vitor me levou até a cama e...
Já sem roupa deitamos agarradinhos, com a pretensão de uma noite de amor.
Vitor percorria meu corpo com seus lábios deixando-me com o corpo em brasa de tesão.
Vitor estava com seu membro latejante de tesão isto me deixava louca de desejos a vontade de sentir aquele volume adentrar minha vagina úmida.
Estávamos alucinados de excitação, mas os preliminares é algo que complementa o apetite sexual e não me deixo levar por falsos tabus.
Quando começamos a fazer um sexo oral coisa que me deixa excitada demais.
Eu dei sonoros gemidos sentindo seus lábios ávidos com fome de sexo.
Seu cacete latejante quase nem cabia em minha boca à espessura era imensa parecia um porrete. Não aguentei seus lábios me chupando por muito tempo e...
Explodi com um intenso orgasmo.
Meu corpo estremecia com espasmos.
Senti uma explosão em meu corpo e gozei várias vezes.
Cada vez que atinjo o clímax, meu apetite aumenta, Vitor mata minha vontade de foder e sou sugada com mais voracidade, numa sede chegando ao ápice do prazer, numa verdadeira entrega amorosa.
Sinto-me flutuar entre anjos e querubins.
Sua língua quente e vibrante percorre minha vagina se inteirando aos meus delírios.
Suspiros e gemidos enlouquecidos de tesão.
Que delicia de aventura.
Entregue ao prazer não notamos a entrada de Marcos que sentado em uma cadeira masturbava-se com olhos vidrados em nós.
Vitor com cacete em riste entregue ao deleite de me possuir. Me colocou de quatro(4)e encapou cacete e encostando entre meus grandes lábios começou e meter gostoso,Eu sentia como se estivesse sendo rasgada ao meio.
Vitor empurrava demoradamente sentindo cada cm sendo encravado na minha xoxota.
Senti leve roçar de seus pelos pubianos e Vitor Parou.
-Ah que delicia de xoxota apertadinha Marcella.
-Ah Vitor você tem um cacete grosso me arrombou toda.
-Calma querida que vou lhe dá muito prazer.
Com movimentos dos quadris Vitor começou a estocar seu cacete cada vez mais com força. Eu gemia...Rebolava sentindo seu membro dilacerando minhas carnes.
A dor aliado ao prazer me deixava alucinada de tesão.
Estava me comportando como a uma vadia pedindo que metesse cada vez mais.Eu nem me importava que meu marido estava ali vendo eu ser fodida por um jovem recém conhecido,queria mesmo era provar cacete do Vitor que parecia um porrete.
Sentia sua força e vigor, sua respiração foi ficando acelerada, Vitor gemia falando que ia gozar.
_Goza meu gostoso dá leitinho pra tua putinha dá... Enche tua vadia de leite vai meu safado.
_Eu implorava pelo seu gozo... Vitor acelerou um pouco mais os movimentos que dava para ouvir as batidas dos seus quadris de encontro a minha bunda.Depois de alguns minutos Vitor tirou cacete deixando só cabeça encostada na minha bunda e estocou com força de uma vez só.
Meu gemido foi igual a um urro de um animal no cio. Vitor explodiu em um orgasmo intenso Ficamos atracados um ao outro
A explosão foi imediata de nós três porque ouvimos os gemidos de Marcos que se masturbava intensamente sentindo o clima de êxtase e sacanagem. Fiz um sinal e meu marido levantou e veio até onde eu estava .Sentia seu êxtase ,tinha acabado de gozar e seu cacete estava duro.
-Vem meu nego dai este cacete gostoso para tua puta chupar... Marcos se aproximou e segurando seu cacete em direção a minha boca ,ficou fazendo movimentos e seu cacete adentrava minha garganta ficando cada vez mais rígido .
Eu estava alucinada meu corpo implorava por mais cacete. Marcos metia na minha boca,esta cheio de tesão por ter visto sua mulher se comportar como uma verdadeira mundana.Vitor tirou cacete trocou a camisinha e colocando outra veio de mansinho se encostando em mim.
Minha xoxota estava encharcada de meu gozo foi assim que Vitór meteu e retirando foi colocando o cacete na portinha de meu rabinho.
Encostava levemente, lubrificava com os dedos úmidos de meu próprio gozo.
Me preparava dizendo palavras suaves.
Ah que delicia Marcella que rabo gostoso.
-Seu cuzinho está me convidando,piscando, ai que delicia de foda.
-Me dá minha putinha gostosa.
Eu queria...Mas tinha receio era muito grosso o cacete dele.
Mas estavam tão gostosos seus carinhos.
Ainda mais eu chupando Marcos que estava doido de tesao de ver a safadeza que Vitor estava fazendo.
_Quando Marcos disse fode ela Vitor que ela adora ser enrabada, geme que nem uma cadela. --Vai ...Anda ela gosta empurra devagar só ate cabeça passar.
-Vitor encostou forçou e depois da cabeça ter passado ele empurrou com força fazendo entrar tudo de uma vez. Eu gemi dando um urro de prazer .
-Aí que delicia ficamos alucinados com um tesão incrível.
- Vitor ficava apalpando minha bunda, dava tapinhas de leve empurrando tudo naquela gruta quente.
Foi quando Marcos deu um grito dizendo que ia gozar de novo, não me segurei de tesão e gozei.Fiquei sentindo Vitor explodindo sua excitação todo dentro de mim.
Marcos ficou derramando seu leite pela minha garganta adentro enquanto eu saboreava de seu leite que eu degustava com imenso prazer. Sentia Vitor retirando seu cacete e deitando ao meu lado.Me beijando a nuca me abraçou e com palavras de carinho falou que nunca tinha tido momentos tão bons assim.Marcos nem se fala parecia que tinha descoberto uma mina de ouro era só sorrisos.E eu extasiada de prazer pois nunca tinha tido tão bons momentos na cama como aquele momento.
Nada melhor que um cacete para lhe proporcionar prazer imagine vocês dois.
Eta que aquilo estava bom... D. Mais.
Resumindo continuamos nossa viagem na manhã seguinte e deixamos nosso endereço com Vitor que vira passar próximo final de semana conosco. E ainda falou de trazer uma amiguinha,espero que traga assim Marcos terá alguém para se distrair enquanto eu mostro minha casa ao Vitor.
Já até programei como vamos nos divertir em minha casa.
Tenho certeza que Vitor vai adorar transar na banheira.
Mais que uma noite e paradisíaca fuga sexual.
Teremos um final de semana inteiro de muita transa e sacanagem.

Docecomomel(hgata)
"Não confundam o autor com a obra"
17/07/2012.
Visitem meus Blogs.
Imagem do google

2 comentários:

  1. conto gostoso de ler. Marido que gosta de ver a mulher dando para outro se retro alimenta o tesão pela amada, Acho a entrega para outro um gesto de amor que muito poucos entendem. Dirceu

    ResponderExcluir
  2. Muito bom o seu conto, bem que eu gostaria de ser o Vitor .. Setiver mais contos , me mande pelo e mail
    paul.kelli@bol.com.br. Beijos .!!

    ResponderExcluir

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)