Acessos em Êxtase !

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Inocente Tesão II







"A saga de um jovem"
Inocente Tesão Parte II


Depois de ter começado minha vida sexual com 12 anos de idade, eu achei tão bom que não parei mais.
A fruta mulher é boa demais.
Este é um relato de um fato real.
Foi assim que me tornei pai com apenas 14 anos de idade.
Era final de semana e resolvi sair com amigos para me divertir um pouco era um dia de sábado.
Afinal finais de semana é quando podemos carregar as baterias.
Estresse e rotina do colégio e meu curso profissionalizante toma meus dias da semana em tempo integral.
Assim fomos a uma festa na casa de amigos.
Eu estava ficando com Sabrina uma colega, nada sério, mas foi assim que conheci a Keith.
Uma amiga de Sabrina. Ela estava na festa quando a vi fiquei doido por ela.
Eu sabia que eu não era o mais bonito da festa mais também não era o mais feio.
Fiquei vidrado na Keith de verdade. Sabrina minha ex-ficante nos apresentou.Fiquei conversando com ela um tempo até...
Tomei coragem e a chamei pra dançar, achei que iria levar uma mala afinal ela era uma moça já um pouco mais velha que eu.
Eu na época tinha uma carinha de menino, mas já tinha corpo de adulto.
Todos sabem como é a tal puberdade ficamos com as variações de voz, músculos em desenvolvimentos, pelos ainda em ascensão, uma transformação total do corpo.
Um macho com estilo ainda não definido, mas com personalidade marcante, sempre foi assim, me tornei homem sexualmente falando com 12 anos.
E a parti daí estava sempre atrás das meninas.
Fiquei um garanhão com fama de pegador. Sabe com é a propaganda das garotas correm como vento.
Quando comecei a dançar com a Keith mantive distancia afinal era apenas amizade, mas complicou tudo quando ela veio me perguntar se era verdade que eu beijava bem?
 Foi ai que me toquei que as duas estavam de armação, mais nem liguei e fiz o jogo delas e acabei mostrando a Keith como eu beijava.
Foi algo muito bom beijos rápidos de inicio, mas logo esquentou o desejo e a vontade de transar.
Mas assim mesmo me controlei afinal precisava tomar cuidado com a presa.
A Keith era uma morena linda.
Durante a festa toda fiquei dançando com Keith e rolava uns beijinhos, umas palavras doces ao pé do ouvido.
Era só xaveco.
Se caísse é claro que iria direto transar, mas eu xavecava é claro sem forçar a barra se quisesse claro que era só curtição.
Keith com seus 18 anos, uma morena linda cor de jambo com cabelos lisos e compridos com seus olhos negros, me deixou enfeitiçado.
Seus seios pareciam dois mamõezinhos papaia esperando para serem saboreados e uma bunda empinada que me deixava louco de tesão. Um verdadeiro rabão como dizemos.
A festa foi muito boa mesmo tinha conseguido uma namorada. Amais gostosa e cobiçada da noite.
Depois da festa ela me convidou a ir a sua casa, não tinha ninguém lá seus pais estavam viajando. Ela queria saber onde aprendi a beijar gostoso daquele jeito ,já que eu era muito novo.
Desconversei afinal tem coisas que precisamos preservar.
Mal sabia ela que mesmo antes dos 12 anos já transava muito com vários tipos de mulheres.
Mas o namoro foi muito correto apenas me deixou passar uma mão em sua bunda e outra em seu seios, uma bolinada de leve, aqueles peitinhos gostosos e durinhos que ficaram com os biquinhos durinhos o tempo todo.
Começamos a namorar sério no outro final de semana e já fui conhecer seus pais e seus irmãos.
Ficamos namorando sério por mais de dois meses, era apenas uma mãozinha ali e umas apalpadelas aqui.
Nada mais , ai já sabe punheta todos os dias quando retornava da casa dela,meu cacete até doía de tão teso.
Até que um dia vou a sua casa e só encontro a minha cunhada mais nova que tinha apenas 15 anos. E minha namorada.
Conseguimos um bom motivo e a Irma da Keith saiu.
Aí foi só alegria eu e ela sozinhos.
Só de pensar na quantidade de punhetas que bati em sua intenção meu cacete já começa uma ereção.
Não perdi tempo afinal tinha o relógio contra nós, logo chegaria gente.
Comecei e chupar seus seios e Keith gemia muito me deixando mais louco ainda de excitação.
Ela relutou um pouco quando de inicio enfiei a mão por dentro de sua saia.
Gemia pedindo para eu parar, eu não conseguia me controlar, e fui com meus dedos percorrendo a trilha dos prazeres.
Ela mas era para continuar não para parar.
Assim meus dedos descobriam seu recanto dos prazeres,mas eu não a estava forçando ela queria ,gemia rebolava na minha mão.
Sentia seu mel escorrer entre meus dedos.
Aí fica quase impossível se controlar.
Eu só tinha feito sexo oral uma vez, com a tia Cleide.
Mas com a Keith foi algo diferente quando comecei a chupar sua xoxotinha encharcada, ela deu um gemido alto, ai o sinal estava aberto, chupava sua xoxotinha e colocava um dedinho no seu rabinho.
Sentia seu cuzinho mastigando a ponta do meu dedo.
Ahh... Delicia fiquei como doido cheio de excitação sentia seu mel escorrer pelos meus lábios, Keith gozava tanto que pensei que iria me afogar com tanto melzinho gostoso que despejava entre meus lábios sedentos que sugava seu grelinho.
Eu chupava demais aquela xoxota gostosa.
Depois que a Keith já tinha gozado um bocado coloquei meu cacete para fora e ela começou a chupar.
Olha pessoal meu cacete não é de um bem dotado, mas é bastante grosso e o desempenho e muito bom, ela chupava muito gostoso aí já sabe estava com tanta vontade que gozei logo e na boquinha da Keith, ”que não gostou que não avisei de meu orgasmo próximo”.
Mesmo depois de ter gozado montes na boca da Keith meu cacete continuava duro como uma rocha.
Eu comecei a brincar com ela enfiando minha língua em seu cuzinho.
Ela não queria, mas fiquei um tempão lambendo e chupando seu anelzinho.
Mas ela falou logo que não me iria-me deixareu botar no seu rabinho, pois meu cacete era muito grosso e ia arrombar com ela.
Ri e respondendo hoje não amorzinho, mas amanha quem sabe?
Depois de um tempão só chupando a xoxotinha da Keith, comecei a colocar a cabeça do cacete na portinha da xoxotinha encharcada de tesão.
A cabeça entrou com uma suavidade que dei um gemido de prazer, comecei a bombear com bastante força, até ela gozar de novo.
Molhei as pontas dos dedos na xoxota e fui acariciando seu cuzinho.
Ela de inicio relutou, mas logo estava piscando de excitação... Aí já sabem tirei o cacete de sua xoxota e fui encostando em seu rabinho.
Pincelei lentamente e ficava ouvindo seus gemidos, que pareciam súplicas para que eu metesse mais meu cacete.
Fui lentamente empurrando abrindo suas carnes, suas pregas abriam-se para me receber.
Ai só tinha um caminho a seguir em frente e foi o que fiz, empurrava e parava um pouco.
Depois que senti que cabeça e metade do cacete estavam atoladas comecei a forçar mais, Keith deu um pulinho pra frente ,como se quisesse fugir,mas eu não deixei segurei firme em sua cintura e comecei a brincar com seu grelinho.
Aí só restava sentir prazer.
Bombeava com vontade até sentir que meus culhões batiam na entrada de sua xoxota.
Ela gemia muito, seus gemidos pareciam musicas aos meus ouvidos. Gemidos de prazer deixam os homens enlouquecido com mais tesão ainda.
Já tinha mais de dez minutos só assim metendo no rabinho gostoso da Keith.
Ela gozou senti seu grelinho latejante nos meus dedos. fiquei parado sentindo seu orgasmo,seu rabinho latejando em meu cacete.
Uma delicia que já faz tanto tempo, mas fico cheio de tesão só de lembrar.
Assim que ela gozou recomecei as estocadas e gozei muito em seu rabinho. Uma maravilha despejar meu leite em seu rabo.
Relaxamos um pouco e fomos tomar um banho.
Lá no banheiro Keith me chupou novamente.
Fiquei teso de novo e voltamos para seu quarto. Nova etapa de carinhos e  a transa continuava.
Comecei novamente a transar e gozei na sua xoxota quentinha e apertada.
Como eu ainda era sem muita experiência gozei dentro sem usar camisinha.
Nem ela nem eu nos preocupamos com este detalhe, mas as conseqüências vieram logo.
Uma filha.
Eu com apenas 14 anos completos ser pai.
A Keith com dezoito o mais correto era ela se cuidar, pois era mais experiente do que eu.
Mas tudo bem agora é passado.
Não me arrependo, pois adorei ser pai eminha filha que se estivesse viva estaria agora com 25 anos.
Mas tudo tem uma razão.
E hoje só transo com camisinha, até mesmo com minha esposa.
Afinal as doenças sexualmente transmissíveis proliferam por todo lugar.
E eu não sou homem de uma mulher só.
Mulheres solteiras e desimpedidas podem entrar em contato que estarei disposto a relatar pessoalmente como me tornei pai com 14 anos completos.
Convivi alguns meses com Keith, mas não deu certo e cada qual procurou novos rumos.
Mas continuamos amigos e zelamos por nossa amizade.
Keith é casada e volta e meia temos alguns encontros para relembrar nossas aventuras.
Nossos encontros são demais.
Eu a adoro e cada vez ela se torna mais gostosa e safada.
Como tanto eu como ela somos casados nossas aventuras são demais. o Proibido dá um toque à mais na relação ,a adrenalina é Dez.

Docecomomel(hgata)



Baseado no relato de um amigo Dago,que autorizou a colocar seu email para caso aja alguma duvida da veracidade.
Seu MSN e:dagoogan@hotmail.com

Vejam meus Blogs
http://sensacoescomemocoes.blogspot.com/
http://desejosdeinsanos.blogspot.com/
http://sedentosdesexo.blogspot.com/

Imagem do google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)