.

.

Acessos em Êxtase !

.Contos Eróticos de Docecomomel

.Contos Eróticos de Docecomomel

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Meu jovem aprendiz do Amor!



Jovem e muito do gostoso...
Conheci um carinha muito fofo e lindo. Seu rostinho de menino levado pedia colo. Ah delicia qual mulher não gosta de homem com cara de menininho ,mas que se comporta com um verdadeiro garanhão.O jovem era um verdadeiro show de bola, do jeito que eu gosto moreno, cabelos encaracolados, alto e um pouquinho mais novo que eu, eu já dou sorte com jovens aprendizes na arte de amar.… resumindo, um gato.
Conhecemo-nos ficamos amigos, e apesar de gostar de animais o meu preferido para adoção é gatos de duas pernas.
Na época eu nem queria compromisso, mas aquele boy me vislumbrava com seus olhares.
E isto me seduzia e muito.
Resolvi arriscar.
Entre emails e MSN via celular o Erick estava me cativando.
Não era namoro eram encontros de muita pegação e amassos.
Aff só bastava está junto já via o carinha super excitado. E que ferramenta o jovem tinha.
Eu ainda estava dando corda para ver até onde poderíamos ir, mas quando nos encontrávamos depois de beijos e amasso eu via aquele cacete armado meu desejo era de sentir em toda sua extensão os prazeres concebidos em meu corpo. Mas controlei meus impulsos.
O maior tempo possível. Mas que me dava uma vontade de devorá-lo sem dó nem piedade, aquele jovem safado, mas com aquela carinha de anjo.
Mas quando eu soube da artimanha do safadinho, me apeteceu mais os desejos.
Pois não é que ele aumentava sua idade e que tinha apenas 17 anos, ainda por cima era donzelo.
Era malandro que só. O safadinho afirmava que já tinha pegado a maioria das jovens colegas do cursinho.
Aff, não sei por que mentem querem sempre ser garanhão.
Foi ai que soube que eu seria a sua professora.
Pensei já que diz que é bom de cama, veremos “Meu cafa juvenil e donzelo”
Quando nos encontrávamos parecia que uma química funcionava e deixava nos colados, nosso lábio quase não se desgrudava. Ele não sabia que eu já estava a par de sua situação sexualmente falando.
Uma noite após uma pizza quando nos despedíamos ele me deu um beijo no rosto demorado, de um jeito safado e disse-me em segredo.
“Se você me der espaço eu vou te pegar e fizer de você a mulher mais feliz em meus braços”. Quero aquecer sua cama Marcella!
Estou esperando teu sinal.
Pouco tempo depois, eu resolvi que já era à hora do Erick fazer parte de minha vida mais a fundo.
Erick completou 18 anos e seu presente de aniversário seria um final de semana em um resort em uma praia na linha verde
É claro com direito a acompanhante
Eu é claro.
A viagem foi ótima saímos bem cedo no sábado. Chegando ao resort fomos deixar nossa bagagem. Suíte linda com decoração típica de casas a beira mar.
Local muito aprazível. Fomos conhecer as piscinas lindas dignas da propaganda do espaço.
Logo após o almoço ficamos em nossa suíte, namorando vendo um DVD. Os carinhos foram se tornando mais avançados e em poucos minutos estávamos sem roupa, à cama contribuía para o desenlace fazendo um verdadeiro ninho de amor.
Estava tudo muito bem, beijos abraços mãos que se buscavam, a perfeita sintonia de nossos desejos
Claro que o sexo seria perfeito...
Mas, eu sentia que algo prendia o Erick eu o pressentia nervoso e ansioso.
Todo casal que compartilha momentos pressente a ansiedade do parceiro (a).
Eu não poderia ser uma exceção.
Indaguei para Erick se algo o perturbava, ele cabisbaixo confidenciou-me que me adorava, mas devido à situação financeira de estudante quando saiamos e era eu a patrocinadora e isto lhe causava constrangimento.
Eu apenas ri e dizendo, mas Erick bobinho os prazeres que compartilhamos a alegria que você me proporciona com seu jeito alegre e jovial, Vale mais que todo dinheiro do mundo. E prazer meu está em sua companhia você me rejuvenesce.
_Vem cá dá uma bitokinha, vem meu gato gotoso.
_Erick deixou a cerimônia e tirou a cueca ficando nu mostrando seu membro excitado, para meu deleite e só assim eu pude ver todo seu membro. Aquele pedaço de puro prazer. Depois de nossa conversa dissipou as duvidas.
Nossos corpos atraiam-se o êxtase era intenso, ficamos entregues a volúpia.
Então quando Erick segurando o cacete me disse Marcella venha provar do que é seu, ele é todo seu. Minha visão era a mais maravilhosa possível.
Erick jovem com carinha de menino ansiando meus carinhos, querendo provar do mais delicioso dos prazeres. Ele se aproximou e me beijou gostoso,os lábios molhados, enquanto me beija, eu alisava seu pau por entre minhas pernas.
Brincando com aquele volume em minhas mãos, Sem suportar mais eu abaixei-me e de joelhos a seus pés comecei a chupar devagarzinho, sentindo o gosto de seu cacete, só degustando daquele cacete de 20 cm, a babinha salgadinha me deixava saciada de seu cheiro.
O odor do prazer antecipado começamos a explorar nossos corpos, um chupando o outro. Percorrendo os caminhos dos prazeres de ambos.
Nossa meu excitação extrapolou, explodi em um gozo Erick me lambia e sugava do meu mel, eu me contorcia entre gemidos. Meu clitóris entre seus lábios.
Sentindo a beleza do momento.
Mamando do cacete jovem e intocado querendo sentir e provar de seu leite. Quanto mais eu gozava mais era sugada. Rir quando Erick mudou de posição e pude ver seu rosto, todo melado do meu mel. Depois que já tinha acabado gozado o Maximo ele me pediu que ficasse de quatro (4). Eu a mercê da analise de seus olhos,na cama de quatro Erick me acariciava,apertava minha bunda, lambia minha xoxota, acariciava meus seios. Estava ali a espera da consumação da sua primeira transa. Aquele belo cacete todo meu, mas , quando seu encostava a minha xoxota esfregando de baixo pra cima eu gemia ,rebolava, sem esperar mais ele começou a penetrar, lentamente, sem pressa prazer, começou a dá umas bombadas fortes.
Erick me chamava de gostosa, safada e estocava com força e vigor, dando umas tapas na bunda, me puxando de encontro a seus quadris, uma loucura de prazer. Mudei de posição, eu comecei a cavalgar no seu pau, dava pra ver e senti seu cacete melado de nossos odores e sabores.
Eu descia e subia forte então ele falou que o gozo estava perto.
Continuamos no vai e vem e senti a explosão de seu orgasmo em minhas entranhas.
Foi belo e único momento, o orgasmo juntos, ficamos abraçados sentindo aceleração de nossos corações o pulsar latente de seu sexo saciado em minha xoxota. Beijávamos-nos muito. Depois de alguns minutos fomos tomar banho e entre brincadeiras o desejo recomeçando.Erick sempre em carinhos disse em tom brincadeira,pronto minha nega um cabaço meu você quebrou,agora serei eu a inaugurar este pedacinho de seu corpo.
Acariciando entre minha bunda seus dedos procurava meu orifício intocado.
Entre risos afirmei, bem veremos se darei a você ou não teremos o final de semana todo para o aprendizado em aula de prazer.
Meu gato gostoso e ex-donzelo.
E já segurava seu cacete em riste entre minhas mãos.
É nosso final de semana apenas começando, ein delicia de menino levado!

Docecomomel(hgata)
Imagem do google
Não confundam o autor com sua obra.
http://sensaçoescomemoções.com
http://desejosdeInsanos.com
"Meus pequenos contos estão no Recanto das letras me visite"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts