.

.

Acessos em Êxtase !

.Contos Eróticos de Docecomomel

.Contos Eróticos de Docecomomel

sábado, 1 de janeiro de 2011

Traindo com uma caipira gostosa !


1º conto de 2011 um relato de amigo .Que o Ano Novo nós traga boas inspirações!

Meu amigo Marcos e sua caipira.
Marcos estava se recuperando de uma cirurgia e foi passar alguns dias no sitio de seu irmão. Como ele mesmo disse carregar as bateria dar balanço na vida para recomeçar.
Afinal seu casamento foi por água abaixo depois de brigas encontro e desencontros.
Já estava instalado no sitio havia dois dias, sua rotina era acordar cedo fazer caminhada e ficar na rede lendo algum livro.
Suas refeições a mulher do caseiro fazia, mas ele nunca a tinha visto, até o dia que o caseiro precisou ir à cidade e ele precisava ir buscar seu almoço.
Quando eram aproximadamente 12 h Marcos dirigiu-se a casa do caseiro, E teve uma surpresa quando chegou lá.
Aquela morena bonita com seios enormes com uma bunda de parar o trânsito.
Estava lá com sorriso maroto nos lábios.
Ao ver sua chegada ficou com uma timidez disfarçada, pois seus olhos reluzentes diziam algo em forma de desejos.
Mas era casada.
Ah, pois é uma pena.
Enquanto esperava seu almoço que ela fez questão de servir-lhe Marcos ficou observando a Claudia e ficou excitado.
Procurou desviar os pensamentos.
A Claudia era bonita, mas mal tratada, ele notou tristeza em seu olhar
Seu marido muito rústico não a fazia feliz.
Começou a conversar com Marcos que já estava querendo oferecer amparo.Claro que ele queria mesmo era comer aquela caipira gostosa da bunda grande que concertesa o tal marido não a satisfazia muito.
Ela então falou que estava infeliz que seu marido a tratava muito mal.
Pensava em ir embora, mas ele jurou de matá-la.
Falando e chorando apoiou em seu ombro em prantos.
Marcos ficou sem reação, mas abraçou-a
Mas depois de um tempo abraçados ficando excitados, as palavras eram desnecessárias.
Os dois queriam ir mais além
Não resistindo ao desejo de ambos.
Quando ela disse meu marido só volta amanha.
Pronto foi o sinal verde pra sacanagem.
E foram pro quarto começando debaixo do chuveiro.
Ela já com a xoxotinha em brasa querendo ser comida ele doido querendo possuir o proibido.
Com um fogo, começou a beijar sua boca, enquanto seus dedos entravam e saiam de dentro dela, num vai e vem alucinante.
Chupava seus seios duros de bicos enormes, minha vontade era de mordê-la toda, mas não podia deixar vestígios.
Era demais o tesão que sentia e fui descendo até sua xaninha e cai de boca nela sem dó, massageando seu grelinho com a língua, mordiscando-o com carinho
Ela com voz dengosa gemia muito, isto me incitava a chupar mais ainda seu grelinho saboreando de seu mel.
E gemendo alto suas pernas me prendia entre suas coxas minha boca direto na xaninha.
Como eu chupava agora sua grutinha.
Ela teve um orgasmo intenso.
Gemia e gritava.
Ahh.. Delicia nunca tinha feito isto não sabia que era assim tão gostoso.
Poxa!
Uma mulher que tem marido e nunca foi chupada, quando é descoberta esta fonte de prazer inesgotável.
Torna-se uma expert na arte de amar.
Claudia estava se descobrindo e a seu corpo.
Aos poucos eu fui induzindo a aproveitar dos prazeres, logo foi aprendendo e me proporcionando um prazer imensurável.
Sua boca morna em eu cacete aliado a inexperiência dava um toque a mais de prazer.
Ela mamava meu cacete meio sem jeito babando todo e pedia querendo meu leite.
Era o dia de experiências de Claudia.
Eu jamais poderia negar demorou pouco pra eu encher aquela boquinha deliciosa de leite quente, no que a ela sorveu tudo sem deixar desperdiçar nem uma gota sequer.
Não demorou muito e ela já estava cavalgando em meu cacete pedindo para meter bastante nela que jamais ela foi comida assim.
Ela descendo indo de encontro a meus quadris aquela dança sensual.
Logo disse que ia gozar eu pedi que me esperasse. E segurando firme aumentando o ritmo das estocadas e gozaram juntos.
Naquele dia, passei a tarde e a noite toda comendo aquela delícia. No dia seguinte não tivemos nada, mas sempre fugia e ia carregar as baterias naquele paraíso e voltava com estoque de esperma zerado.
Sempre enviava o caseiro para fazer algum serviço na cidade enquanto eu dava conta do serviço com sua mulherzinha que estava radiante com tratamento de cacete.
Na xaninha na boca e no rabinho virgem que adorou me dá.
E como goza a danada é escandalosa nos gemidos isto dá mais tesão ainda o proibido aliado ao prazer.
Pois depois de ter descoberto à Cláudia sempre ia pra o sitio, ela o recebia com alegria. Até me disse que o marido esta gostando da nova forma dela na cama.Pois antes era só papai e mamãe,mas continua recatada com ele para não desconfiar.
Mas com seu amante da cidade se solta deixando os desejos à flor da pele.
Como todo homem Marcos adorou ser o primeiro a ensinar-lhe os mais infindáveis caminhos do sexo.
E assim sempre está no sitio.
Comendo a caipira do jeito que gosta.


Docecomomel(hgata)
Imagem do google
"Não confundam autor com sua obra"


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts