Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)

Acessos em Êxtase !

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Devassidão de Namoro .


Quando eu tinha 21 anos tinha um namorado, firme como algumas pessoas dizem namorado na porta.
Bem o Daniel meu namorado era muito simpático e ganhou logo a confiança de meus pais.
Mal sabiam eles o que eu e Daniel aprontávamos.
Daniel e eu namorávamos conforme os padrões, na sala vendo TV, com família todinha junto tinham até um gato pra cochilar no colo de Daniel, minha mãe adorava e ficava cativa de ver o carisma de Daniel com seu bichano (gato)
Quando era finais de semana, o Daniel poderia ir embora as 11 h.
Para meus pais claro que ele ia para sua casa.
Mas vejam bem o que fazíamos.
Quando o relógio marcava 10.50 eu deixava a janela de meu quarto encostado.
E Daniel ia embora às 11 horas muito educado despedia-se dos meus pais.
Minha mãe ainda dizia boa noite meu filho Deus te abençoe.
Eu o levava até o portão,mas logo retornava, entrava para tomar um banho e alegava cansaço ia dormi.
No meu quarto Daniel estava a minha espera.
Ele havia entrado sorrateiramente ,pela janela enquanto eu conversava com meus pais.
O mal disto tudo era fazer tudo sem barulho o mínimo de zoada possível se fosse descoberto teríamos que casar moça que não é virgem na época era puta. rsssr
Então eu era um putona, pois dava muito pra o Daniel.
Logo que entrava no quarto Daniel já me tirava à camisola, eu já saia do banho pronta pra dormir.
Mas que dormir nada! Eu queria mesmo era ter relações sexuais.
E Daniel me satisfazia demais na cama.Era quase noite toda transando.
Assim acontecia.
Suas mãos entrando por baixo da minha camisola e passeando pelos meus seios e xoxota.
Seu pau logo ficava duro, e deixava-me sentir seu vigor encostando todo cacete seu entre as minhas coxas.
Ficava em um vai vem entre as coxas cabeça latejante de seu cacete me deixando por demais excitada.
Como era bom o proibido, escondido.
Logo aos poucos suas mãos iam descendo até a bunda, eu segurava seu mastro e fazia movimentos de punheta Daniel delirava de prazer.
Mas os carinhos eram breves o desejo de ambos logo explodíamos em um primeiro gozo.
Arrisquei-me muito, mas o prazer de ter Daniel me deixava sem juízo.
Como deixar de gostar de sentir aquele seu cacete entre minhas coxas e dentro da minha vagina.
Eram momentos divinos entre eu e Daniel só o silencio do quarto, nossas respirações ofegantes.
Nosso olhar cheio de desejos.
Ele meu garanhão insaciável eu sua putinha, ele me sussurrava palavras de baixo calão que incitavam meu lado mundana.
Realmente era sua putinha na cama.
Fazíamos de tudo ,mesmo oral, anal.
Era uma verdadeira sacanagem.
E como adoravámos!
Sempre me dizendo que eu seria a melhor puta de sua vida.
E ficava me chamando de putona, vagabunda, piranha, ai que eu mais rebolava enquanto ele falava isso.
E eu só recebendo cacete.
Daniel adorava todas as posições, mas a de frango assado dava um tesão a mais.
Ele sempre ficava querendo e ansiava por isto.
Sempre o orgasmo simultâneo acontecia assim.
Vislumbrar seu rosto em ardente desejo dava mais vontade de mexer e rebolar sob o seu corpo.
O incansável Daniel.
Meu namoradinho que me deixava alucinada nas noites de sábado às escondidas, onde eu me entregava ao gozo perfeito em sincronia, com o êxtase e a luxuria.
Dois jovens apaixonados que conheceram a vida sexual juntos.
E sempre as escondidos deixavam sucumbir à paixão e o amor.
Formando um casal na dança frenética de corpos, onde o sexo era apenas um complemento de dois seres apaixonado.
Assim ficamos dois anos de namoro com muita fornicação até que o destino pregou-me uma peça e Daniel mudou-se e a distancia soube dá um final a meu namoro.
Saudade sentia demais, mas impossível ir até ele. Precisamos caminhar que a fila precisa andar.
Não é verdade?
Pois andou para mim e já estou de namorado novo um coroa viúvo. Ah delicias ele eu e nossas peripécias,depois eu conto.

Docecomomel(hgata)
Imagem do google
Meu Blog
http://sensacoescomemocoes.blogspot.com/
"Nâo confundam o autor com sua Obra"
Docecomomel(hgata)

Um comentário:

  1. Pois é bons tempos das casas né amiga.Imagine hoje neste espigoes.E saber que estas coisas aconteciam naturalmente,perigosamente, num tempo em que a mulher era muito marginalizada.Eita tempo bom assim mesmo, tinha mais emoção né? Um abraço amiga e tudo de bom pra voce e familia.

    ResponderExcluir

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts