.

.

Acessos em Êxtase !

.Contos Eróticos de Docecomomel

.Contos Eróticos de Docecomomel

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Sensualidade & Êxtase !


Natal réveillon e tudo festa família parentes, comes e bebes champanhe e o mar.
Delicia ver a passagem de ano no mar.Bem o ano de 2008 para 2009 fui para praia com uma turma de amigos e parentes.
Sempre uma farra.
No dia 02 depois das festas, todos foram fazer um tour de barco por algumas ilhas que temos aqui próximas.
Mar grande Morro de São Paulo, Boi peba.
Cada praia mais bela que outra.
Eu como tive uma ressaca não embarquei nesta aventura , para minha sorte.
O primo de meu cunhado também não foi.
Então gente! Nós teríamos o dia todo livre.
Eu ele e a empregada que sumia pela casa e fingia de transparente, quase não a víamos.
Já umas 10 dez horas da manha convidei o Adilsom para irmos à praia para não ficar o dia todo sem fazer nada.
Que idéia maravilhosa ele aceitou de imediato.
Adilson tinha 23 anos loiro, bem forte era praticante de artes marciais participa de torneios Brasil a fora.
Muito forte, mas um pouco tímido.
Estávamos na praia e conversamos bastante tomamos cerveja só pra relaxar e rebater o calor.
Nós dois em brincadeiras nas ondas fortes,
Sempre nos tocávamos e para meu espanto e alegria notei o Adilson excitado.
Olhava-me sempre e sentia sua atração.
Hum este negocio vai dá coisa boa.
Abraços tímidos e beijinhos eu recebi do Adilson.
Quando o relógio marcou umas 15 horas Adilson me falou em irmos pra casa.
Que estava cansado queria descansar na sombra dos coqueiros.
Assim fomos.
Já andávamos abraçados.
Ele tomou banho e vestiu um short folgado, eu fui tomar banho e o quarto que eu estava era bem próximo ao que ele estava.
Como havia tomado sol minhas costas ardiam um pouco.
Após o banho pedi ao Adilson para me passar uma loção hidratante nas costas, pois estava ardendo.
Ele muito gentil veio até meu quarto e começou a massagem suave e gostosa
Depois de um momento me pediu para deitar que passaria nos ombros a tal loção.
Claro que deitei, mas com a cabeça em seu colo e sentindo a delicadeza de suas mãos me massageando.
Fique excitada.
E ele também eu sentia toda rigidez de seu pênis encostado quase ao meu rosto.
Caramba que situação!
Deliciosa e gostosa.
Adilsom quando retornou da praia vestiu um short, mas sem cueca.
Que delicia.
Não sou muito afoita, mas desta vez excedi a um impulso e comecei a cheirar seu cacete armado.
Ele sentiu a minha iniciativa e intenção.
Ou seja, a nossa intenção e colocou a cabeça do cacete para fora da perna do short.
Perdoem-me se fui ousada, mas eu comecei a lamber aquele cacete discretamente, sentia sua baba viscosa escorrendo pelos meus lábios.
A massagem da loção foi pra o espaço agora ele massageava era minha xoxota molhada de excitada.
Ele levantou-se encostou a porta do quarto arrancou seu short e mostrando todo seu cacete e desejo.
E fomos pra cama.
Menino levado já veio por cima de boca na minha xoxota.
Ai delicia senti todo vigor de seu mastro duro na minha boca.
E como chupava, sugava meu clitóris, massageava minha bunda e sempre colocava dedinho na porta do meu anel.
Hum.
Muito excitante.
Não demorei e tive meu primeiro orgasmo.
Ah pra meu maior delírio, chupava mais ainda meu grelinho parecia um bezerrinho desmamado.
Quanto mais chupava mais eu gozava e rebolava em seus lábios sedentos de meu gozo.
Ele chupava e falava pra gozar mais na sua boca, nossa gozei igual uma louca, que gostoso.
Nem bem tinha terminado de gozar ele direcionou seu cacete em minha boca.
Delicio de cacete enorme rígido como uma tora, eu chupava como uma ensandecida e quando olhava para ele, e vir àquela cara de excitação, eu ficava como uma louca chupava-o mais ainda.
Ele adorando é claro.
Ufa. quando Adilson se colocou aos pés da cama botou uma camisinha e colocando minhas pernas sobre seus ombros.
E com estocadas firmes e vigorosas metia deliciosamente em minha xoxota.
Era um delírio delicioso ele estocando seu cacete em mim.
Sentia-me nas nuvens está entre seus braços fortes e musculosos.
Meu lutador de Jiu jitson maravilhoso me deixou no auge do êxtase e prazer.
Gozamos simultaneamente.
Nossos gemidos pareciam urros de animais no cio.
Logo fomos ao banho e começou me acariciando colocando um dedo no meu rabinho Hum estava uma delicia, tirava e colocava deixando um gosto de quero mais.
No banho foi uma safadeza só.
Depois dos dois bem excitados me diz no ouvido.
-Marcelinha! Eu gosto de completo!
-Completo!
-Sim
-Quero seu rabinho também você já o deu a alguém?
-Não.
-Legal então serei eu a te mostrar como e onde se sente prazer.
-Esquenta não gata terei maior cuidado com você minha jóia preciosa e rara.
Muito bom ser acariciada no ego.
Ele colocou-me debruçada na cama com joelhos sobre almofadas e começou acariciar, devagarzinho até poder sentir-me relaxada.
Ia me acariciando, beijando-me dedilhando meu clitóris. seus lábios percorriam minha nuca com beijos molhados.
Começou a colocar lentamente e parava para me acostumar com a sua rigidez e potencia.
Estava doendo um pouco, colocava e tirava.
Depois de algum tempo colocou todo seu membro.
Sentia um ardor mesclado a um prazer, logo começou a estocar forte e rápido, ele me comia gostosamente e suas palavras de carinho me incentivava a rebolar mais em seu cacete.
Gostoso seu ritmo cadenciado e firme.
Já estávamos quase gozando quando...
Já em pleno êxtase retira seu cacete de meu rabinho e tirando a camisinha esporra seu leite quente e viscoso na minhas costas.
Uma coisa deliciosa sentir-me atracada aquele macho gostoso que em convulsão expelia todo seu precioso leite de prazer.
Fiquei tão cheia de prazer que até me esqueci da loção hidratante,mas com o leite de Adilson não sentir ardor nenhum a não ser no rabinho.
Mas o prazer foi compensador.
Estou errada?

Docecomomel(hgata)
Imagem do Google
“Não Confundam o autor com sua obra”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts