.

.

Acessos em Êxtase !

.Contos Eróticos de Docecomomel

.Contos Eróticos de Docecomomel

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Amante ! Ou prostituta deLuxo?


Numa viagem nas profundezas da carne, Entre EU e Você procurando em uma busca constante a auto-afirmação de minha existência.
Neste equilíbrio do querer é poder fico perdida no tempo do Amor e da saudade. Observando valores agregados ao crescimento valorizando o Amor o êxtase.
Minha alma nega a creditar que não me amas Mais.
Sempre envolta em lembranças fico a procura de tua semelhança e imagens nos becos vazios da minha vida.
Até que:
Sem querer encontramos ações que envolvem prazer de corpos deixando uma lacuna vazia no coração.
Bem. deixamos de devaneios de saudade e vamos ao amor,sexo luxuria paixão e êxtase.
Bem eu estou trabalhando em um escritório de contabilidade, meu chefe e patrão é um coroa com 60 anos é viúvo. Mas teve acidente automobilístico e tem dificuldade de locomoção.
Vive a me cantar.
Mas sempre saio com evasivas dizendo que tenho namorado.
Mas sabe daquelas pessoas que não desistem. Pois bem ele é assim.
Logo no bom dia da manhã.
-Bom Dia Sr Geraldo como passou a noite?
-Mal você não estava comigo!
-Mas... rsrsr
-Foi boa dormi dopado.
Assim eram as conversas até que um dia me chamou até a sua sala e:
-Bom dia Marcela vai logo direto ao assunto, pois não somos crianças e estou ansioso dá ponto neste conflito de meus dias.
-Aconteceu algo Sr Geraldo?
-Ainda não, mas vai acontecer, precisa acontecer.
Pois bem é a seguinte Marcela eu sou viúvo e desde que a falecida esposa se foi “Que Deus a conserve em bom lugar”. Eu nunca casei e só arranjo umas moças que vai lá em minha casa me distrair você sabe ainda estou vivo e tenho desejos.
Mas sinto insatisfeito, não fazem sexo com carinho é pago sem emoção.
Você esta me entendendo?
Sim e Não
O que eu tenho a ver com tudo isto?
Tudo Marcela você não nota que te desejo como mulher?
Acorda menina quero você de qualquer jeito!
Mas.
Nem mais nem menos!
Se precisar for até te pago que você quiser, mas te quero nem que seja por uma única vez.
Mas Sr Geraldo está me ofendendo?
Nada disto falei se preciso for é ultimo caso!
Vamos aos fatos!
Você é livre gosta de passear, viajar, e claro que gosta de coisas boas.
Eu te dou tudo isto em troca de horas de prazeres.
Fiquei estupefata sem fala, esta é uma verdadeira proposta indecente.
No dia seguinte quando cheguei tinha uma RS avermelha em minha mesa.
Não indaguei quem teria me enviado, mas sabia a resposta.
E assim subseqüente seis dias seguidos de flores, apenas flores, mas no 7º dia tinha um bilhete.
Quando li rir, mas ao mesmo tempo fiquei pensativa dia todo.
Conteúdo do bilhete “Hoje é o dia D com sete rosas te venero e hoje te quero como nunca não aceito negativas.”
Meu motorista irá te buscar às 20 horas sem falta. Beijos de quem te venera e deseja.
Ah... E agora estou em uma enroscada?
Meu dia atribulado de trabalho não me deixou pensar muito no fato. mas no vazio da volta para casa me indagava o que fazer.
Bem quando cheguei a casa tomei uma ducha relaxante.
Vesti um vestido preto de alças calcei uma sandália preta. Ah lingerie vermelha da cor do pecado.
Fiquei aguardando o motorista.
Muito cordial abriu a porta do carro e silenciosamente dirigiu-se a mansão do Sr Geraldo nosso patrão.
Eu não estava muito chamativa, mas estava atraente.
Conduziram-me a sala de está onde Geraldo estava bebericando um bom vinho.
Estava bonito com camisa pólo de listas colorida.
Nunca o tinha visto assim de traje esportivo.
Quando me avistou um sorriso iluminou sua face.
Achei-o atraente.
Acompanhei com uma taça de vinho suave.
Ele era só galanteio, disse-me, Marcela não se preocupe que você não será forçada, mas creio que você esta querendo tanto quanto eu!
Realmente coroa era raposa notou que estava gostando de ser tratada como uma rainha, poucos sabem agradar mulher com gentilezas.
O jantar foi adorável comemos salmão com saladas.
A conversa afluía muito caliente.
Após o jantar fomos para uma ante-sala onde tinha TV Som e um sofá enorme.
Geraldo sentou a meu lado e conversava olhando sempre para meus olhos.
Em um dado momento segurou minhas mãos, beijando cada um dos meus dedos.
Claro que a caricia simples deixa qualquer mulher excitada.
Mas eu estava na retaguarda.
O cheiro másculo e sua altivez davam-lhe um ar jovial.
Quando o Geraldo pegou uma das minhas mãos e pousou em seu membro rígido, fiquei desconcertada, mas senti um prazer físico.
Não esbocei reação de retirar a minha mão.
Ele começou a acariciar meus ombros, dando beijos ternos e calmos.
Suas mãos acariciavam meus seios. Sentia-me arrepiada e excitada,quando meteu suas mãos por baixo de meu vestido acariciando minha xoxota,vislumbrei um suspiro de prazer.
Geraldo apenas murmurou poucas palavras
.Delicia Marcela senti seu sexo pulsante entre os meus dedos.
Ai foi começo de uma relação amorosa doida e alucinada.
Geraldo acariciava minha xoxota e com jeito tirou minha calcinha. Ele absorveu o cheiro o meu aroma e guardou no bolso de sua calça.
Sem mais cerimônia estávamos na ante sala, lugar aonde ninguém iria sem ser chamado. As alças de meu vestido foram arriadas,sem eu notar tamanha delicadeza que me despia.
Tirei sua camisa e vi um coroa ainda forte com fios de cabelos raros em seu tronco desnudo. Despojei de pudores resolvi viver aquele momento. tirando sua calça vi saltitar um pênis duro e super rígido.
Estávamos na imensidão do sofá.
Geraldo esbanjava vitalidade, caiu de boca na minha xoxota que ondas convulsivas percorriam meu corpo.
Sua língua suave me lambia e chupava, segurando entre seus lábios, o meu clitóris que vibrava de excitado. sentada no encosto do sofá dava espaço para Geraldo fazer todas peripécias que quisesse.
Adorando as sacanagens gozei logo. Ah como ele sugou meu gozo parecia um bezerrinho desmamado segurando meu grelinho .balbuciando palavras de prazer.
Ahh... Gostosa..Delicia minha deusa...Como sonhei com isto.

Ele apenas disse meu maior prazer será ver você sentir prazer.
Assim também mamei de seu mastro, ele adorou sentir minha boca seu cacete. acariciava seus culhões com a boca.Dei-lhe um verdadeiro banho de gato.
O coroa gemia alto.
Pensei até que ia dar um treco.
Depois de uma imensidão de sacanagens e carinhos eu já tinha gozado duas vezes em sua boquinha gulosa.
Eis que ele deita no sofá pedindo com voz suave.
Vem minha querida Marcela cavalga neste ex- garanhão e me faz sentir homem de novo.
Notei que a firmeza de seu mastro não estava como antes. Sem muita demora enganchei em seu cacete e cavalgava rebolando sem parar.ele apenas gemendo de tesão pedia .
Come-me sua safada gostosa.
Como tem coisas que quando começa não se pode parar, galopei em seu cacete até senti uma explosão de seu gozo.
Em seguida gozei e abraçados ficamos.
Agora sou sua amante cativa.
Fui promovida a chefe do escritório.
Sempre estamos viajando conhecer este Brasil e suas belezas.
Geraldo e Eu fizemos um contrato, não casei com ele, mas me trata como sua esposa E vamos morar no apartamento novo que ele deu-me de presente meu aniversário no final do mês de setembro.
Legal amada amante.
Ou Prostituta de Luxo!


Docecomomel(hgata)
Imagem do google



Docecomomel(hgata)

Um comentário:

  1. O que posso dizer de seus contos?!
    são sensacionais...
    são quentes e saboros...
    bjossss

    ResponderExcluir

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts