Acessos em Êxtase !

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Uma Festa Muito Boa.


Festa de arromba
Ai... ai!
Recebi convite de um chá de panelas de amiga, fiquei na duvida se ia ou não.
Mas depois fui quem sabe à sorte pode sorrir pra mim e ganhe o premio oferecido pela noiva. Pois fui com mais duas amigas estávamos todas alvoroçadas sabíamos que ia ter lance diferente e quem quisesse participar do sorteio era só colocar nome em uma caixa lacrada.
Pena só poder botar um nome de cada pessoa.
Sorte tem quem acredita nela.
Já estava bem tarde à música alta umas cervejinhas e petiscos e monte de mulher conversando quando finalmente chega o momento esperado.
Uauuu. que belo exemplar de homem.
Aquele moreno jambo, coxas grossas e peito cabeludo.
Tirou sossego da mulherada.
Quando se iniciou a dança sensual tirando cada peça que restava de roupa gritos e assobios foram ouvidos.
Alisar e acariciar podiam é Claro.
A dança embalava o corpo sex e sensual que dançava com sensualidade os gestos não obscenos, mas indicavam a dança da cúpula do acasalamento da junção de dois seres.
Ai me deu um friozinho na barriga quando foi anunciado o sorteio.
Claro que todas que colocaram seus nomes sabiam que poderia ou não ser contempladas a passar a noite com aquele streaper.
Afã e que belo exemplar de macho.
E logo foi dado inicio ao sorteio.
Quem tiraria o short
Quem daria beijo no rapaz
Quem dançaria com ele
E assim foram despojados quase todas veste do rapaz.
Logo o sorteio do grande final, o esperado e cogitado.
Passar restante da noite com o rapaz.
O premio mais almejado entre as moças livres, as descompromissadas.
Eu as entre claro.
E que grito eu dei quando a noiva finalmente disse a comtemplada, a sortuda e...
Marcela.
Fiquei de todas as cores quando vi todos os olhares dirigindo-se a mim, alguns de inveja outros de risos e satisfação.
E quando vi aquele monumento físico dirigir-se a mim.
Só tive um pensamento.
É hoje que a Jiripoca vai piar chiar e tudo que tiver direito. rsrsrsr
Bem curiosos só poderiam fazer uma coisa é claro pegar na mão do rapaz que tinha vestido uma roupa e sair de fininho.
E fui eu e Lucas para um motel já reservado pela dona da festa.
Lucas ia com sacola na mão.
Chegando ao quarto notei uma timidez em Lucas, aquele jeito de homem másculo e viril, sumiu.
Parecia um menino triste e carente.
Sentamos e começamos e bebericar um uísque e conversas amenas pra criar um clima afinal precisou de aquecimento pessoal.
Não somos animais irracionais.
Logo as caricias de mãos começaram e Lucas com muito tato alisava minha perna próxima a ele, depois desceu sua mão a minha virilha. só caricias suaves e ternas que surtiam efeito de uma chama.
E assim as mãos buscavam minha intimidade, agora sem calcinha, sem soutiem.
Sem nada. Lucas tambem estava sem roupas. sua Tez morena com marca de sunga.
Excitava-me ver aquele bumbum, dava vontade de morder
Segurando minhas mãos fomos ao banheiro.
Entramos no chuveiro e começou as caricias água morna escorrendo entre nossos corpos. Eram breves caricias.
Beijos suaves. sua boca que descia aos meus seios.lentamente com leves toque de mãos apalpar minha bunda.
Suas mãos percorriam toda intimidade de meu ser.
Gemidos e sussurros era nossa língua, sem palavras.
Quando Lucas ajoelhou-se e começou a percorrer com sua língua minha vagina. Entrava e saia nos, mas contidos cantos de minha intimidade, eu gemia mais e mais, este vai e vem me consumia em êxtase. Meu clitóris era um brinquedo entre seus lábios
E segurando sua cabeça firmemente gozei sem decência, ali mesmo no banheiro com todo prazer despejei meu néctar naquela boca linda, me contorcia de prazer.
Lucas não se deixava por vencido quanto mais eu gemia mais ele me chupava.
Foi à coisa mais deliciosa e excitante.
Deixou-me com as pernas tremulas, e com carinho Lucas me pegou no colo, eu enlaçando minhas pernas na cintura dele. Foi a posição que recebi aquele mastro com estocadas firmes e constantes
Encostada na parede Lucas me possuiu, Sem dó me fez gozar novamente.
E assim escancarada com aquele mastro volumoso dentro de minha xana, fomos pra cama.
Aiaiai como era bom de cama este Lucas metia, e mexia ,gemia que achei que íamos ficar noite toda ali transando.
E assim fui tendo as mais belas sensações.
Só me encabulava coisa o Lucas duríssimo eu já tinha gozado três vezes e ele continuava firme com toda potencia.
Quando peço goza meu amor encha tua gata com teu leite precioso.
Peço ao seu ouvido entre os gemidos.
A resposta foi como uma balde de água fria. pra apagar o incêndio de meu corpo.
-Posso gozar com maior prazer, mas você precisa colaborar fazendo algo.
-Topa?
-Fiquei surpresa.
-Indagando que era.
-Mas eu precisava afirmar que manteria segredo mesmo não topando.
Não sou de fugir da raia topei.
Coisa simples apenas ajudar introduzindo um vibrador no rapaz pra ele poder gozar.
Fiquei estupefata, mas sem saída tanto prazer que ele havia me dado, não tinha como recusar, afinal eu só iria ajudá-lo
Não disse nada quando ele tímido e envergonhado levantou e pegou um vibrador
E colocando uma camisinha. Ligou e me deu. claro que a experiência era inusitada,mas depois dos prazeres que me deu nada mais normal que eu colaborasse com o grande final dele.
Apenas segurei e Lucas rebolava como ensandecido gemia e sussurrava ,palavras tipo mete,mete toda vai.
Poe tudo vai come seu garanhão.
E aquele objeto trêmulo encravado no ânus de Lucas dava-lhe o prazer essencial para explosão de seu gozo.
Que com gemidos gozou esporrando seu leite, viscoso em quantidade abundante que molhou quase toda cama.
Para com um gemido e um riso nos lábios eis que Lucas deita-se e olhando para mim
Agradece e pede desculpas.



Obs.Depois Lucas me confidenciou que é homossexual passivo que para ganhar um dinheiro extra além de ser dançarino aceita fazer sexo tipo com que aconteceu conosco. Pra ter excitação suficiente comer uma mulher tomava um remédio Azul. que jamais tinha dito alguém que a maioria das mulheres depois de saciadas dormem e nem observam se ele chegou ao clímax ou não.
Coisas do Sexo de cada um.
Prometi jamais contar alguém, apenas escrevendo, mas sei que todos guardarão segredo não é?


Gatadocecomomel(hgata)
Imagem do google

Um comentário:

  1. Lucas pode ficar sossegado, minha boca é um túmulo, rsrs. Adorei o conto, bjs... Angel

    ResponderExcluir

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)