Acessos em Êxtase !

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Um final de semana



Quando eu tinha uns 22 anos eu fui acampar com meu namorado, fomos a dois casais em duas motos e duas barracas.

Saímos ainda sem destino, mas chegamos a uma praia lá pelo lado da linha verde semi-deserta.

Ondas lindas. brisa suave coqueiros para dar sombra.

E aquele mar a nos banhar.

Era final de semana de feriadão.

No sábado ainda o movimento de pessoas era pouco, depois de armadas às barracas fomos a um trailer dentro do camping mesmo e fomos fazer lanche e voltamos tomados banhos e barriguinha cheia.

Ficamos ao redor da fogueira ouvindo a Danny tocar violão.

Sentados na areia envolta da fogueira

O Marcos estava abraçado comigo eu sentia seu membro excitado.

Ai pensei em fazer uma pirracinha, rsrsr

Peguei sua mão e direcionei o meu púbis. Marcos ficou mais excitado ainda eu estava só com um short sem calcinha.

Assim as caricias disfarçadas iam acentuando-se.

Sentir seus dedos a dedilhar meus lábios, meu clitóris logo ficou eriçado isto me deixava excitada demais.

Com as mãos para traz da cintura acariciava o cacete de Marcos que já estava de zíper aberto.

Quanto mais alisava mais ficava duro a ponto de expelir aquele liquido precioso.

Mas estávamos nos contendo afinal.

A noite era uma criança e queríamos brincar de papai e mamãe também.

Começou um vento e fomos para nossas barracas a Danny com o Lucas eu com Marcos, ele tava doidinho pra nos recolhermos.

Já estamos namorando algum tempinho e nunca transamos só temos caricias avançadas, mas o próprio ato será hoje.

Assim que fechamos a barraca o Lucas ficou logo de cueca eu fiquei de calcinha.

Lucas veio logo em minha direção me beijando, beijos avassaladores que inspiravam fome de sexo.

Sua língua percorria meu pescoço descendo aos mamilos, que Marcos saboreou com carinho, assim foi descendo com as caricias chegando a minha Xana quente e desejosa de carinho.

Marcos esperto segurou as minhas pernas e caiu de boca lambia e chupava, falando palavras que causavam maior excitação.

-Vou te lamber minha safadinha ate você explodir de gozo e lambuzar minha cara com seu mel, minha putinha gostosa safada.

-ah Marcos maltrata não chupa vai meu gostoso, safado, estou doidinha receber teu cacete na minha xana.

-Chupa vai gostoso, meu safado, meu língua de veludo, delicia ahhh acaba com sua safadinha vai.

Estas eram as palavras mais recatadas, que ouvia no nosso canto de amor.

As ondas do mar eram cúmplices de nossas traquinagens.

Assim gozei não suportei tanta sugada e linguada na minha gruta.

Já restabelecida do meu gozo Marcos me quer por cima, e arreganho minhas pernas e direcionando seu cacete caio por cima começamos um vai e vem gostoso.

Lentamente depois sucumbimos ao desejo de corpo e o galope desenfreado, causou-nos luxuria e êxtase.

Marcos como um garanhão a disposição de sua amazona apertava meus seios, o prazer era mutuo.

Marcos complementava a ânsia do desejo. A noite era uma criança e assim brincamos com ela.

E fizemos amor até o amanhecer quando o Sol surgiu no horizonte Eu e Marcos fomos tomar um banho de mar, a temperatura de água era morna as ondas suaves.

Pareciam que eram cúmplices nos acoitavam de encontro ao outro.

Entre risos e beijos agarrada a cintura de Marcos com as pernas presa a suas costas recebi seu cacete mais uma vez, a água fazia sua parte balançando com suavidade, nossos corpos que se encaixavam com destreza.

O côncavo e convexo.

E assim naquele final de semana conheci a minha limitação de transar.

Marcos parecia insaciável.

Mas tivemos os três melhores dias de maratona sexual.




Docecomomel(hgata)
Imagem do google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras...Minhas emoções!

Marcadores

Crie Não Copiei

Crie Não Copiei

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.

Posts

Obrigada

Obrigada
Agradeço a todos que perdem seu precioso tempo em visitar este blog. Fico muito feliz de poder saber que muitos veêm leêm e recomendam . Obrigada de coração: (docecomomel)